Temporal alaga áreas baixas do município de Parintins

Uma chuva torrencial que caiu sobre Parintins (distante 369 km de Manaus-AM) na noite desta quarta feira (9), alagou várias áreas da cidade causando prejuízos a muitas famílias.

Várias trechos de ruas em Parintins foram completamente tomados pelas águas pluviais – Foto: Leandra Piazza

O sargento Moab do Corpo de Bombeiro, relatou que durante a chuva houveram 25 chamadas de pedidos de socorro para vários pontos da cidade, a maioria sobre alagações, derrubada de muros e árvores.

“Fomos chamados em vários pontos como na escola Padre Jorge Frezine, localizada na esquina das ruas Armando Prado com rua Cordovil, nas ruas Mozart de Freitas e Fortaleza nas proximidades do Ginásio Elias Assayag, as ruas 3 e 4 do bairro Paulo Corrêa, área próxima à Lagoa Azul.

As águas pluviais causaram alagações em várias casas e diversos prejuízos. Em alguns pontos da cidade, árvores e muros desabaram com a força do vento e a correnteza formada pela água”, revela o bombeiro.

Segundo o senhor Antônio Souza (40), no centro da cidade, a escadaria do final da rua Cordovil, às margem do rio Amazonas, arriou e ficou aproximadamente 3 metros de distância longe da rua.

Escadaria do final da rua Cordovil – Foto: Adriana Paz

Um jovem que participa do grupo de dança Troup, do Boi Bumbá Caprichoso, e pediu para ter o nome preservado, informou que estava no Curral Zeca Xibelão com os colegas ensaiando quando na rua Gomes de Castro se formou uma grande correnteza derrubou pelo menos 10 motos. “Quando vimos as motos foram caindo tipo efeito dominó. Tivemos que correr e segurar mesmo se não a força da correnteza iria arrastar nossas motos”, afirma o dançarino.

Muitas casas foram invadidas pelas águas em Parintins – Foto: Leandra Piazza

A jovem Leandra Piazza (21), que cursa o 7º período de jornalismo na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), e mora na rua Mozart Freitas Vieira, bairro de Emílio Moreira, teve a casa atingida pelas águas, publicou na sua página do Facebook várias fotos mostrando como ficou o local. “O bairro de Emílio Moreira e adjacências mais uma vez sofre com o fenômeno urbano das inundações. Por consequência, deixando dezenas de famílias no prejuízo. Pelos cidadãos que já sofrem diariamente com tantos problemas, venho por meio deste, externar minha indignação!” Finaliza Leandra.

Fonte: Gazeta Parintins

você pode gostar também