Agora é oficial, o ‘homem do metrô’ é candidato a deputado estadual

Aconteceu nesta quinta-feira, 04, a convenção oficial do partido “União Brasil” que oficializou as candidaturas para governador e vice, deputados federais e estaduais. O evento ocorreu na Av. das Torres, no espaço Via Torres e contou com mais de 50 mil pessoas presentes. Entre os nomes confirmados está o do profissional liberal Bruno Gomes (UB). Bruno Gomes se destaca por ser um defensor popular de um projeto que, segundo ele, precisa acontecer: a construção do metrô aéreo de Manaus.

Oficializado como candidato a deputado estadual, não é a primeira vez que Bruno Gomes levanta a bandeira da construção do modal de mobilidade urbana para a capital. “Nas eleições de 2020 fui candidato a vereador por Manaus defendendo a bandeira de construção do metrô aéreo. Tive mil e cento e onze votos. Uma votação expressiva para um candidato que defende algo que parece um sonho distante”, destacou.

*Sonho, realidade e necessidade*

Para Bruno Gomes apostar na construção de um metrô aéreo para Manaus é fundamental porque se trata de uma proposta que não vem de cima. “Vejam bem: todas as propostas de metrô, expresso e monotrilho vieram de cima. De governadores e prefeitos. A diferença é que agora a luta vem de um homem que não está no poder mas que, eleito, poderá ser tornar uma voz ativa em defesa desse sonho, dessa necessidade que precisa se tornar realidade “, observou.

Ainda de acordo com Bruno Gomes, caso venha a se tornar parlamentar estadual, a luta será árdua. “Serão quatro anos em que lutarei com todas as armas da sociedade civil organizada. “Vou organizar ‘abaixo-assinado’, vou convocar associações comunitárias, vou provocar o ministério público, as entidades de classe e representação social”, adiantou.

De acordo com ele, a luta não para por aí. “Vou chamar colegas parlamentares e todos os atores e atrizes do papel social que devemos cumprir”, alertou. “Não dá para o povo da maior cidade do Norte do país continuar refém do sistema de transporte que hoje presta um desserviço à todos”, finalizou Bruno Gomes.

você pode gostar também