Animais são encontrados em situação de maus-tratos dentro de casa, em Manaus

Animais eram guardados em gaiolas. Dois irmãos que moram no local foram presos.

Resgate levou mais de cinco horas — Foto: Rickardo Marques/G1 AM

Pelo menos 100 animais, entre silvestres e domésticos, foram resgatados nesta terça-feira (12) em uma casa na comunidade Val Paraíso, Zona Leste de Manaus. Segundo a polícia, todos os animais eram guardados em gaiolas e estavam em situação de maus-tratos. Um casal de irmãos que mora no local foi preso.

Equipes do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) receberam uma denúncia anônima e foram até a Rua Cinco de Maio, por volta das 14h. Já nas proximidades, era possível sentir o odor de fezes e ver gaiolas em frente da casa, segundo a polícia.

Os policiais entraram e encontraram dezenas de gaiolas amontoadas em todos os cômodos. Aves, macacos, cães, gatos, quelônios, entre outros animais, eram mantidos no local.

Segundo o tenente Gonçalves, os irmãos que moram na casa não apresentaram nenhum documento de origem dos animais.

Animais ficavam presos em gaiolas — Foto: Rickardo Marques/G1 AM

“De acordo com os suspeitos, eles utilizam o local pra tratar os animais. Muitas pessoas que eles conhecem deixam os animais aqui para eles cuidarem, mas verificamos que não tem muita condição para executar esse tipo de serviço no local”, explicou.

A retirada de todos os animais e gaiolas de dentro da casa durou mais de cinco horas e contou com o apoio de policiais militares, civis e demais voluntários. A delegada Carla Biagge, da Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema), afirmou que o casal de irmãos que mora no local foi preso em flagrante.

Macacos estão entre animais apreendidos — Foto: Rickardo Marques/G1 AM

“Alguns dos animais vão para o Ibama, no caso os silvestres. Outros vão para Ongs, no caso os domésticos. Eu nunca tinha visto uma situação tão crítica de animais em cativeiro, animais sofrendo, que estão aparentemente doentes e debilitados. É uma situação deplorável”, comentou.

Com informações do g1
você pode gostar também