Arlindo Júnior recebe homenagens em cidades do Amazonas

Gilson Almeida | 24 Horas
[email protected]

Parintins (AM) – O ex-levantador de todas e ex-apresentador do Boi Caprichoso, Arlindo Júnior, foi homenageado em distintas cidades do estado do Amazonas. O eterno Pop da Selva foi um dos grandes artistas que divulgou o Festival Folclórico de Parintins pelo Brasil e por outros países. Arlindo lutou contra o câncer e faleceu no dia 29 de dezembro de 2019.

Em Manaus, o cantor foi lembrado e aclamado no Carnaboi realizado pelo governo do Estado por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, no Centro de Convenções – Sambódromo na noite de segunda-feira (24) reunindo diversos artistas do boi-bumbá.

O público ignorou a forte chuva que caiu na cidade e lotou a pista do Sambódromo onde as apresentações aconteceram direto do camarote e a emoção tomou conta com todos os artistas cantando juntos as toadas imortalizadas na voz do Pop da Selva como “Saga de um Canoeiro”, “Requiem” e “Pesadelo dos Navegantes”.

Na final da apresentação o público foi ao delírio ainda mais com a exibição de um vídeo de Arlindo nos telões gravado no final de 2019. “Gostaria de estar aí, mas não deu!”, disse o cantor em uma parte do vídeo, uma das últimas imagens gravadas do artista.

“Foi muito emocionante, todos os artistas se reuniram nesse momento pra prestar essa justa homenagem, o ápice do evento, o ápice do espetáculo. A gente percebeu inclusive o envolvimento da plateia nesse momento, ao final, quando ele veio, de uma certa forma, conversando com o público”, destacou o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz.

A homenagem foi conduzida por David Assayag que ressaltou a importância do Carnaboi e de Arlindo Júnior para a cultura amazonense. “Nem a chuva espantou o brilho do Carnaboi, realmente é uma festa de sucesso e com certeza a homenagem muito merecida ao nosso Pop da Selva, que nos deixou recentemente, merece todas as honras, todas as homenagens, porque foi realmente um cara de muita força na cultura do Amazonas. O Carnaboi está aí pra provar realmente que é uma grande festa”, salientou David.

“Hoje é uma justa homenagem ao nosso Pop da Selva, Arlindo Jr.. As pessoas se emocionaram quando apareceram várias imagens do Arlindo com a gente, o Arlindo falando, se despedindo. Então, com certeza, essa chuva toda é o Arlindo chorando de emoção lá no céu, e o Carnaboi é isso, o resgate de uma cultura forte”, destacou o cantor Helen Veras.

O evento iniciou com a apresentação dos bois de Manaus, Brilhante, Garanhão e Corre Campo. Em seguida subiram ao palco PA Chaves e Fábio Casagrande, com o convidado Itamar Benarroz, seguidos por Mara Lima e Vanessa Alfaia, que receberam Jardel Bentes.

A festa contou também com a presença da Batucada e Marujada que arrastaram os torcedores de Caprichoso e Garantido pelo Sambódromo que acompanharam os ritmistas dançando e cantando toadas de desafio ao boi contrário.

Já do camarote se apresentaram Márcia Siqueira, Márcia Novo, David Assayag, Prince do Boi, Edmundo Oran, Sebastião Júnior, Gaspar Medeiros, Israel Paulain, Canto da Mata, Fabiano Neves, Cézar Pinheiro, Leonardo Castelo, Robson Júnior, A Toada, Edilson Santana, Helen Veras, Kaboclos, Carlinhos do Boi, Kamayurá, Júnior Paulain, Zezinho Corrêa, Paulinho Viana, e Carlos Batata, que fez uma apresentação inclusiva, com tradução em Libras e participação de uma bailarina que tem síndrome de down.

“Essa é a primeira edição que tem quatro mulheres. É uma conquista! O Arlindo tem uma participação muito importante nessa conquista das mulheres no boi-bumbá. Através da oportunidade que ele deu a cantoras como Enna Carvalho e Cristiane Garcia, de fazer participações, de fazer os cantos nos discos do boi Caprichoso”, pontuou Márcia Siqueira.

Em Presidente Figueiredo o cantor também foi homenageado no Carnachoeira onde foi realizado um Carnaboi em memória ao artista.

Já em Parintins, o cantor Arlindo Júnior foi homenageado no Carnailha realizado dos dias 23 e 24 e no Carnaboi feito no dia 25, ambos promovidos pela Prefeitura em parceria com o governo do Estado, na Avenida Paraíba, Centro. O Pop da Selva inclusive foi tema do bloco carnavalesco Ursos Polares com o enredo “Arlindo Júnior: Eterno como sempre será eterno” que foi campeã e teve a marchinha eleita por 14 veículos de comunicação como a melhor dos blocos da chave especial.

O presidente do bloco, Josinaldo Lopes Nascimento, conhecido como Pereira, destacou que o convite da homenagem foi feito ao Arlindo Júnior ainda vivo após o término do Carnaboi do ano passado em que o cantor se apresentou. “É emoção por causa do Arlindo tanto que o filho dele (Arlindo Neto) passou na avenida chorando, foi muita emoção”, disse o presidente

Em discurso, Arlindo Neto destacou que em outros estados também fizeram homenagem ao Pop da Selva, mas que preferiu participar do carnaval de Parintins devido a história que seu pai tem com a cidade.

Participaram do Carnaboi Klinger Araújo, Carlinhos do Boi, Júnior Paulain, Prince do Boi, Tony e Gaspar Medeiros, David Assayag, Israel Paulain, Edmundo Oran, Arlindo Neto, Diego Brelaz e Sebastião Júnior.

você pode gostar também