-Publi-A-

Artes Visuais realiza exposição para comemorar Centenário de Irmão Miguel de Pascalle

Foto: reprodução

Josene Araújo | 24 Horas

[email protected]

O Centenário do missionário italiano Irmão Miguel de Pascallle, será comemorado no próximo dia 18 de fevereiro pelos acadêmicos do Curso de Artes Visuais da Universidade Federal do Amazonas, Campus Parintins.

A iniciativa é do coordenador do Curso, Ericky Nakamony, que anuncia um coletivo para o dia 18, sábado no galpão da Coopjuta, próximo ao Colégio Nossa Senhora do Carmo saindo do caís do porto até o galpão com exposição aberta ao público e com performance de música e dança.

O professor Ericky Nakanomy coordena os alunos para organização do local, onde acontecerá a homenagem

Objetos pessoais do homenageado, instalações e obras de artes contemporâneas e alunos que trazem traços da arte de irmão Miguel, são os eixos da exposição. “A memória de Irmão Miguel foi objeto de TCC e pesquisa na academia e nós entendemos que ele tem uma importância viva, por isso vamos celebrar os cem anos de arte que não morreu”, considera o coordenador.

A construção artística de Parintins, passa pela influência de Irmão Miguel, destaca Nakanomy. “O mais importante é a passagem de folguedo para espetáculo dentro do boi bumba que é uma construção coletiva, mas a maioria tem as mãos de Irmão Miguel. Se não fosse essa habilidade artística que vemos refletida no carnaval do Rio e São Paulo, Parintins não teria essa notoriedade apenas por ter uma festa popular. É o artístico que soma com o folclórico, é uma soma da arte indígena com a influência do renascimento italiano que veio de Florença”, afirma.

Outra parte do projeto consiste em visita guiada à Catedral e Nossa Senhora do Carmo onde estão as obras de Irmão Miguel.

você pode gostar também