-Publi-A-

Artista lança “Abraço Amazônico: Natureza mãe” e propõe debate sobre sustentabilidade

Plano de trabalho sendo apresentado no Complexo Silvio Miotto. (Foto: Katiúscia Ferreira)

Projeto do artista do parintinense promoverá um grande encontro da arte, da cultura e meio ambiente às vésperas do Festival de Parintins

Da Redação | 24 horas

[email protected]

Parintins (AM) – O Instituto Natureza Mãe promove no período de 23 de junho a 2 de julho no Complexo Silvio Miotto o “Abraço Amazônico: Natureza mãe”. O evento é proposto pelo artista plástico Juarez Lima e fará parte da programação que comemora os 30 anos da arena do bumbódromo, local onde se apresentam os bois Caprichoso e Garantido no Festival Folclórico de Parintins. Durante a explanação do projeto, Lima informou que o planejamento e toda a estrutura contam com o apoio de parceiros da esfera pública e privada.

Para o artista, o “Abraço Amazônico” é um grande encontro popular, científico – cultural, desenvolvido através de parcerias estratégicas entre a Secretaria de Estado da Cultura, a prefeitura de Parintins e os artistas do município e de outras cidades do Amazonas, além de profissionais de áreas diversas representantes de comunidades, grupos artísticos, estudantes e voluntários, na busca de conhecimento e ações integradas relevantes face a realidade amazônica brasileira: suas peculiaridades, ecossistemas e suas manifestações culturais.

Juarez Lima informou que o planejamento e toda a estrutura contam com o apoio de parceiros. (Foto: Katiúscia Ferreira)

O plano de trabalho apresentado no Complexo Silvio Miotto, na manhã desta segunda-feira, 28, antigo parque das catanholeiras, ou urubuzal, onde em décadas passadas já foi palco do Festival Folclórico de Parintins é uma iniciativa que visa sensibilizar a população para a importância de ações sustentáveis que possam contribuir para a responsabilidade socioambiental da Ilha Tupinambarana.

Bispo da Diocese de Parintins, Dom Giuliano Frigeni. (Foto: Katiúscia Ferreira)

Durante a solenidade artista dos bois Caprichoso e Garantido, o Bispo da Diocese, Dom Giuliano Frigeni entre outras pessoas participaram do lançamento da programação. O Festival Folclórico da cidade foi criado a partir da iniciativa da igreja. Para o pastor católico as obras dos artistas permitem que outras gerações possam conhecer suas iniciativas. “Talvez daqui a várias décadas as pessoas agradeçam por essa iniciativa que vai ajudar os rios, a água o meio ambiente, os bois e a arte daqui”, comentou o bispo Giuliano Frigenni.

O representante do Boi Garantido, Edwan Oliveira lamentou que muitas vezes as pessoas nem sempre estão disponíveis a fazer parte de projetos como o idealizado por Juarez Lima. “Muitas vezes estamos focados em nós mesmo e no nosso boi e esquecemos da coletividade. Essa questão da sustentabilidade é compromisso de todos nós seres humanos”, afirmou. O mestre Jair Mendes declarou o seu apoio ao projeto e conclamou os demais artistas a integrarem as ações promovidas pelo Instituto Natureza Mãe.

Presidente da Associação dos Artistas Plásticos de Parintins, Rob Barbosa. (Foto: Katiúscia Ferreira)

O presidente da Associação dos Artistas Plásticos de Parintins, Rob Barbosa aproveitou para apresentar seus projetos de sustentabilidade e solicitou que sejam integrados nas ações coordenadas pelo artista Juarez Lima.  “Esse é um projeto de utilidade pública”, assegurou.

O advogado Juscelino Manso afirmou que Parintins não tinha um projeto social tão forte como o “abraço amazônico: natureza mãe”. “Esse projeto deixa de ser do Juarez e passa a ser de todos nós”, concluiu.

você pode gostar também