Artistas parintinenses constroem palco para Live de Gusttavo Lima

A live ‘Embaixador na Amazônia’, do cantor Gusttavo Lima, é aguardada com muita expectativa pelos fãs e admiradores do cantor. O palco do evento será montado no formato de uma vitória-régia, mas quem fez a elaboração do cenário? Para saber mais detalhes do assunto, o Portal Tucumã fez uma entrevista exclusiva com os artistas parintinenses Nei Meireles e Rossy Amoedo, responsáveis pelo palco do evento.

O projeto do palco foi feito em parceria com a empresa de eventos Eco Art, a montagem vem sendo realizada há duas semanas e contam com o apoio de aproximadamente oito pessoas. A estrutura ficará em cima de uma balsa no meio do Rio Negro, será composta por elementos que relembram a fauna e flora da Amazônia, e o palco deve medir 48 metros de diâmetro quando ficar pronto.

A equipe de produção do cantor Gusttavo Lima está em Manaus acompanhando de perto o passo a passo da realização da live. Nei contou a reportagem que o resultado está sendo satisfatório.

“O palco é um grande desafio tanto para o Rossy quanto para mim. A parte cenográfica ficou sob minha responsabilidade e graças a Deus consegui fazer a conclusão junto com a equipe. Ele será um cenário único e tenho certeza que será um grande evento. A equipe do Gusttavo Lima ficou muito feliz com o resultado do trabalho. É um mundo mágico para eles. A expectativa é muito grande”, explicou Nei.

 

Última fase de construção do palco – Foto: Divulgação

Meireles disse que ainda não teve oportunidade de conversar com a empresária Bete Dezembro, CEO da Fábrica de Eventos e responsável pela live. Entretanto, pessoas próximas revelaram que ela ficou surpresa com o resultado.

“Eu acredito que seja um trabalho inovador e essa oportunidade apareceu em boa hora, principalmente em tempos de pandemia. Quando vejo as imagens aéreas fico feliz com esse trabalho. É algo deslumbrante. Não conversei com a Bete (Dezembro) pessoalmente, mas as pessoas falam que ela está muito satisfeita com nosso trabalho. A montagem desse palco leva em média 60 a 90 dias, mas conseguimos fazer em 14 dias”, explica.

Elaboração do projeto

Rossy Amoedo revelou ao Portal Tucumã que conversou com Nei sobre a ideia do palco. A dupla de artistas produziu o palco em maquete 3D e enviou para a produção do cantor Gusttavo Lima. Ele ressaltou a parceria junto com Nei.

“A primeira conversa que tive com o Nei, ele falou que a ideia do palco era ser uma vitória-régia. Nós acrescentamos novos elementos para não ficar apenas. Elaboramos tudo em 3D e enviamos para a produção do Gusttavo Lima. Eles gostaram muito. Ficou uma concepção muito legal”, falou Rossy.

Rossy também falou sobre os artistas que foram obrigados a paralisarem suas atividades devido ao novo coronavírus (Covid-19). Entretanto, ele acredita que nos próximos meses muita coisa boa deve acontecer brevemente à classe artística.

“Eu me sinto um cara abençoado por Deus. É um momento diferente de tudo que a gente viveu. A área artística parou devido a pandemia, eu me incluo na categoria. Fazer parte desse projeto é muito gratificante. É um projeto que vai dar visibilidade para todos. Foi uma parceria muito bacana com o Nei. Graças a Deus deu tudo certo. É tudo novo, como se fosse a primeira a alegoria”, reitera.

Amanhã (14) o palco vai passar pelos ajustes finais para que dê tudo certo durante a live. O evento será realizado no próximo domingo (16), a partir das 17h30, horário de Manaus, e será transmitido pelo Youtube e nas redes sociais da Fábrica de Eventos, e tem o objetivo de ajudar o projeto ‘Vidas Indígenas Importam’, como forma de ajuda aos povos indígenas infectados pela Covid-19 no Brasil.

Além disso, a digital influencer e ex-bbb 17, a manauara Vivian Amorim, ficará responsável por conduzir a apresentação da live. “Não percam, será ótimo”, disse.

Trajetória

Os artistas ficaram reconhecidos por trabalhos realizados pelo Boi Caprichoso, no Festival Folclórico de Parintins, e nas escolas de samba do carnaval carioca e paulista. Nei Meireles começou sua trajetória no Boi Caprichoso como ajudante no galpão de alegorias. Logo em seguida ele tornou-se pintor e escultor na ‘fábrica de sonhos’ do bumbá.

No ano de 2015, ao lado do artista Márcio Gonçalves, foi promovido e passou assinar alegoria. O artista produziu lenda amazônica, figura típica regional e exaltação folclórica.

Em 2019, seu último trabalho no Festival de Parintins, foi responsável pela figura típica regional ‘O Sacaca da Floresta’ e pela exaltação folclórica ‘Boi de Encantaria’. Além do Caprichoso, Nei soma trabalhos na escola de samba Império de Casa Verde, um dos destaques no Carnaval de São Paulo. Ele confecciona as alegorias e faz os desenhos do barracão, onde é confeccionado os carros alegóricos.

Exaltação folclórica ‘Boi de Encantaria’, alegoria de Nei Meireles e equipe – Foto: Wigder Frota

Rossy Amoedo iniciou a carreira confeccionando os capacetes de tuxaua luxo e originalidade no Boi Caprichoso. Aos poucos foi trabalhando com alegoria e foi promovido em 2002, assinando sua primeira obra.

Ele assumiu protagonismo na confecção de alegorias do Boi Caprichoso, principalmente nos itens lenda amazônica e ritual indígena, sendo aguardado pelos torcedores com muita expectativa, até o ano de 2013.

O último trabalho no Festival de Parintins aconteceu em 2015, quando fez uma parceria com seu irmão, André Amoedo, produzindo a lenda amazônica ‘Bicho Folharal’. Ele também foi vice-presidente do Boi Caprichoso e presidente do Conselho de Artes de 2014 até 2016.

Caprichoso exalta cultura brasileira na primeira noite do Festival ...
Ritual ‘Araweté: Os deuses canibais’, alegoria de Rossy Amoedo e equipe – Foto: Divulgação

Fora de Parintins, Rossy Amoedo coleciona inúmeros trabalhos no Carnaval do Rio de Janeiro, tendo passagem por escolas como Portela, Vila Isabel, Acadêmicos do Salgueiro, Beija-flor de Nilópolis e Estação Primeira de Mangueira. Além disso, ele também responsável pelo cenário na abertura dos Jogos Pan-Americanos de 2007 e das Olimpíadas de 2016, ambos na cidade carioca.

Com informações de João Paulo Castro | Portal Tucumã

você pode gostar também