Babá é presa suspeita de estuprar menina de nove anos

A babá Andreice da Silva Gomes foi indiciada por estupro de vulnerável e registro de criança em cenas pornográficas. Foto: Jair Araújo

A babá Andreice da Silva Gomes, de 19 anos, foi presa, pela equipe da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), na tarde de ontem (16), suspeita de estuprar uma menina de nove anos.

Conforme informações da delegada Juliana Tuma, o crime ocorreu entre fevereiro e março de 2015. “A babá cuidava da prima da vítima, de um ano e seis meses, e era de confiança da família por ter uma relação próxima com a mãe da criança. Ela cometia vários atos libidinosos com a menina e a fotograva em posições pornográficas”, disse a titular da Depca. “Estamos investigando o caso há cinco meses e nos chocamos com as imagens feitas pela babá, que também era fotografada sem roupa pela menina. As fotos foram apagadas do tablet da criança, mas conseguimos recuperar com Instituto de Criminalística”.

Conforme a delegada, o mandado de prisão preventiva de Andreice foi expedido em abril deste ano, pela juíza Patrícia Chacon de Oliveira Loureiro, da Vara Especializada em Crimes contra a Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes, no entanto a babá foi presa ontem porque estava viajando para Maués. A jovem foi indiciada por estupro de vulnerável e registro de criança em cenas pornográficas.

“No interrogatório, a babá admitiu o que fez com a criança, mas justificou que era ameaçada pela menina, na época, com nove anos. Ela deu uma versão que agride a lógica e o bom senso”, comentou a delegada. “A psicóloga que atendeu o caso apontou como voyeurismo”.WhatsApp-Image-20160517 (5)

Durante a apresentação para a imprensa, na manhã desta terça-feira (17), Andreice justificou que cometeu o crime porque era ameaçada pela vítima. “Não procurei a polícia porque ia pagar o mesmo preço”, disse.

Do Dez Minutos

você pode gostar também