“Brasilidade” é tela vencedora do concurso do Cartaz do Festival Folclórico de Parintins

Glemberg vence pela terceira vez o concurso de telas do Festival Folclórico de Parintins

Da Redação | 24 horas

[email protected]

Parintins (AM) – A tela Brasilidade será transformada no cartaz do 51º Festival Folclórico de Parintins. Ela foi a vencedora do concurso realizado na noite desta quinta-feira, 21, na sede do Centro de Atendimento ao Tursita (Cat/Parintins) promovido pela secretaria municipal de Cultura e Turismo (SECTUR) e a Associação dos Artistas Plásticos de Parintins (AAPP).

O autor da obra é o artista da Glemberg Castro, formado pela escola de arte do Boi Caprichoso atualmente é desenhista do Conselho de Arte e atua na equipe de um dos artistas de ponta do bumbá. É a terceira vez que ele vence o concurso, antes já havia vencido os eventos de 2006 e 2009. “Há cinco anos consecutivos vinha concorrendo desde a última vitória e em 2016 consegui ter a tela premiada”, disse ele que nesse período conquistou duas vezes a segunda colocação.

Sobre a tela Brasilidade ele destacou o encontro das cores, das raças, do negro e do índio que tem na herança do nordeste de Roque Cid e Lindolfo Monteverde a brincadeira dos bumbás de Parintins. “A tela apresenta a herança da cultura nordestina de Roque Cid e Lindolfo Monteverde que em Parintins se tornou o boi bumbá”, afirmou.

Berg, como é conhecido, foi o vencedor do concurso. Na segunda colocação ficou a tela do artista Roberto Reis, seguido de Glebson Rodrigues e o artista de Juruti Jacson Pimentel.

Cartaz do Festival

Tela Brasilidade
Tela Brasilidade

O Secretário de Cultura e Turismo do município de Parintins Zezinho Faria informou que a partir de agora não dependerá mais da administração municipal a confecção do cartaz do Festival Folclórico. Ele informou que manterá encontro com o secretário de estado da Cultura Robério Braga e a presidente da Amazonastur Oreni Braga para repassar as informações do cartaz e tentar colocar na praça o mais breve possível. “Não depende da prefeitura e nem da Sectur, mas da Sec que receberá o cartaz para a licitação e definir a empresa responsável pela impressão e espero que até meados de maio estejamos com o cartaz nas mãos para a divulgação do festival”.

Ainda este ano o secretário pretende realizar o concurso do cartaz do festival durante os festejos de aniversário da cidade que ocorre no mês de outubro.

Artistas

Artistas de várias localidades da região estiveram presentes no concurso do cartaz do Festival de Parintins. De Maués o carnavalesco da escola de samba Unidos do Ramalho Junior, Pedro Paulo Neo,25, foi um dos concorrentes. De Juruti o artista Jacson Pimentel conquistou a quarta colocação. Para o membro da comissão de arte do boi Garantido Roberto Reis o concurso revela grandes talentos da arte parintinense. “São meninos que estão ai pintando maravilhosamente bem e com certeza são o futuro do Caprichoso e Garantido”, disse.

O artista Zilkson Reis também prestigiou seus colegas de pincel, talento e criatividade e exaltou o trabalho de quem expôs durante o evento. “Quero parabenizar todos esses garotos que vão longe e vão brilhar Brasil a fora”, comemorou. O artista Andrey de Souza é detento da unidade prisional de Parintins. Ele não pode participar por conta da pena que cumpre, mas enviou uma tela para concorrer no evento.

O curador do concurso Josinaldo Matos destacou que o evento reúne nomes consagrados e aqueles que estão começando na carreira, mas no mesmo nível de igualdade. “Parintins está bem servida de artistas, e avalio como um evento coroado de êxito”, concluiu.

você pode gostar também