-Publi-A-

Caixa Econômica e Prefeitura de Parintins vistoriam obras no município

Foto: Eldiney Alcântara.

Uma equipe da Caixa Econômica Federal está em Parintins e vistoria obras e serviços executados pela Prefeitura em convênio com o Governo Federal. Nesta terça (20) e quarta-feira (22), o prefeito de Parintins em exercício, Mateus Assayag (PL), e o secretário de Obras, Albano Albuquerque, participaram de uma vistoria realizada por representantes e engenheiros da Caixa.

Obras e serviços como a urbanização da Baixa do São José, academias ao ar livre, museu instalado na antiga sede da Prefeitura e serviços de recapeamento asfáltico foram avaliados pelas equipes. “São investimentos importantes conquistados pelo prefeito Bi Garcia junto à bancada federal do Amazonas, trazendo recursos para ampliar essa estrutura já existente em Parintins, seja na área do turismo, infraestrutura, esporte, lazer e saúde, onde as obras estão em andamento, estão acontecendo. Hoje nós verificamos algumas dessas obras para dar mais celeridade, conforme as orientações do prefeito Bi Garcia”, disse Mateus Assayag.

Segundo Albano Albuquerque, a ação é uma visita de rotina para verificar o andamento das obras e a aplicação dos recursos. “A Caixa Econômica é parceira do município, sempre vem fazer essa fiscalização para dar mais transparência aos recursos aplicados aqui em Parintins, tanto faz por emendas parlamentares ou convênio direto com a Prefeitura. Então, são obras de grande importância e estamos fiscalizando e dando continuidade a esse convênio. É muito válido, é muito satisfatório também para eles e para a gente”, explicou o secretário de Obras.

De acordo com o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Hamilton Bandeira, a fiscalização foi feita de forma tranquila e não foi detectado nenhuma irregularidade quanto a aplicação dos recursos públicos e o andamento dos trabalhos. “Visita técnica normalmente é feita com acompanhamentos técnicos da Prefeitura e reafirmando que as obras estão indo num ritmo muito bom, ritmo normal com a qualidade que a gente precisa. Está correndo tudo dentro da normalidade. É sempre bom a gente ver que o recurso está sendo aplicado com a normalidade e com a qualidade que precisa”, concluiu o superintendente.

você pode gostar também