Caprichoso e Garantido se reúnem com a Justiça do Trabalho para evitarem leilões de patrimônios

Hoje é um dia histórico para a administração dos Bumbás Caprichoso e Garantido que juntos demonstram seu comprometimento e vontade de resolver as questões trabalhistas das duas associações, perante a Justiça, que se arrastam há muitos anos causando penhoras e até leilões dos patrimônios das associações.

Na manhã desta quinta-feira, (09/07), o presidente do Boi Caprichoso, Jender Lobato, e o presidente do Garantido, Fábio Cardoso, estiveram na sede do Tribunal da Justiça do Trabalho e foram muito bem acolhidos pelo presidente do Tribunal Regional do Trabalho, Lairto José Veloso. No encontro estiveram presentes o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho, David Alves de Mello Júnior, o presidente do Núcleo de execução, o Juiz Djalma Martins da Costa, o Juiz do Trabalho em Parintins, Izan Alves Miranda Filho, o Secretário de Estado da Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, o prefeito de Parintins, Bi Garcia, o diretor Jurídico do Garantido, Raul Góes Neto, o diretor Jurídico, Victor Góes e o advogado do Boi Caprichoso, Dr. Leonardo Fernandes.

Durante a reunião a Justiça do Trabalho se prontificou em firmar uma conciliação com os trabalhadores assegurando o cumprimento do acordo respeitando a capacidade econômica dos bois de Parintins.

Com a celebração dos acordos os bumbás evitarão futuros leilões e encontrarão as soluções para os processos trabalhistas. Diante do compromisso firmado os dirigentes Jender Lobato e Fábio Cardoso agradecem ao presidente do Tribunal Regional do Trabalho, dr. Lairto Veloso pela atenção, e por se disponibilizar em debater um assunto tão delicado. Também direcionam seus agradecimentos ao desembargador David Melo e ao Juiz Djalma Martins.

Caprichoso e o Garantido entendem que não seria possível esse dialogo sem a contribuição primordial do Juiz Izan Alves Miranda Filho, um magistrado que tem atuado intensamente para solucionar esses problemas e que aberto as conversas possibilitou que ambas as agremiações tivessem a oportunidade de cumprir seus acordos firmados dentro da realidade financeira de cada boi.

Ao mesmo tempo agradecem ao Governo do Amazonas, por meio do Secretário de Estado da Cultura (SEC) Marcos Apolo Muniz, pela preocupação em manter sempre viva a tradição do boi-bumbá e a brincadeira que deu identidade cultural ao estado do Amazonas. Ao prefeito Bi Garcia que tem sido parceiro dos bumbás e tem lutado com todos os setores do município e do estado para manter a festa sempre como um dos principais destinos do turísticos e culturais do Amazonas.

você pode gostar também