Com sinais de violência sexual, bebê de três meses morre em Autazes

Pais da criança foram autuados por homicídio duplamente qualificado. Funcionários de unidade hospitalar acionaram polícia após constatarem agressões.

Um bebê de três meses de idade foi levado a um hospital, no interior do Amazonas, por volta das 4h desta quinta-feira (6), com sinais de agressão física e violência sexual. No local, o médico constatou que a menina já estava morta. O caso aconteceu no município de Autazes.

De acordo com o delegado David Jordão, que responde pela 39ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) da cidade, os funcionários do hospital acionaram a Guarda Municipal da cidade após constatarem os sinais de agressão no bebê.

Conforme Jordão, foi solicitado exame de conjunção carnal, que confirmou a violência sexual. Foi atestado pelo laudo médico que a menina morreu por traumatismo crânioencefálico (TCE).

O delegado relatou ainda que os pais da criança, uma mulher de 31 anos, e um homem de 37, foram levados para a unidade policial, onde foram autuados em flagrante por homicídio duplamente qualificado.

Foi aberto um Inquérito Policial (IP) na 39ª DIP para apurar a ocorrência do abuso sexual. A equipe de investigação, segundo a Polícia Civil, busca por outros possíveis vestígios que tenham ocasionado os crimes.

Com informações do G1

você pode gostar também