-Publi-A-

Da atual gestão azulada só restará: dívidas, promessas, desilusões e arrependimentos.

Por Nárnia!

Nunca antes na história bovina de Parintins, uma gestão prometeu tanto e deixou de cumprir quase tudo o que prometera quanto a atual gestão da Francesa e do Palmares. Em suas últimas semanas, a gestão da dupla presidencial Joilto & Rossy ao que tudo indica não deixará a mínima saudade. De nada adiantou registrar em cartório as promessas de campanha que podem ser, facilmente, interpretadas  [e cobradas] como propaganda enganosa. De prometer à cumprir, dois presis de diferença. Vamos voltar a 2013? Bora? 

ouvido

TRICAMPEONATO

1
Imagem: Reprodução / Internet

 

O cretino colunista, literalmente, de segunda lembra-se bem que dissera, logo na primeira semana de gestão “panainesca” nos domínios da Francesa e do Palmares, que não acreditava nas promessas de um tricampeonato para o Boi Caprichoso. Afirmara à época, que tal feito estaria mais propício ao Boi Garantido por ter sido campeão em 2014 [14,5 By The Book!] e pela equipe montada com o que havia de mais ultrapassado, sem a mínima condição e competência de vencer na arena: dito e feito. Só ganhamos em 2015 porque usamos a mesma arma do inimigo e fomos pegos com a boca na botija, ou melhor, no celular [áudios de 2015].

UNIÃO

Imagem: Reprodução / Internet
Imagem: Reprodução / Internet

 

A promessa de promover a união no Boi Caprichoso não vem da atual campanha à presidência: vem desde a campanha passada em 2013. Dizia-se à época que vencida à eleição seria o momento de reconhecer as armas, descer do palanque e de construir pontes para o fortalecimento do boi para o verdadeiro enfrentamento: derrotar o boi da Baixa do São José. Na teoria [promessa] foi lindo, mas, na prática foi um desastre total. O que já era dividido ficou ainda mais dividido e as duas correntes da Francesa e do Palmares tornaram-se mais do que situação e oposição tornando-se água e óleo.

ESTANDARTE

Imagem: Vídeo Ilustrativo

 

Uma promessa tão futurista quanto enganosa que chegou a ser “prometida” este ano. Em 2013, prometeu-se que um estandarte contendo mensagens dos sócios e torcedores seria criado e que sua arte seria um cilindro de alumínio contendo tais mensagens. O “Pavilhão do Futuro” ficaria em exposição permanente no curral Zeca Xibelão. Em 2016, requentaram a mesma promessa e, assim como na vez anterior, não foi cumprida. Desta vez, a única diferença foi que o estandarte seria usado na última noite do festival contendo impressos nele, os nomes dos doadores que participaram da campanha de arrecadação e ajuda ao boi. É muita desfaçatez!4 papo

VALORIZAÇÃO

Imagem: Reprodução / Internet
Imagem: Reprodução / Internet

 

Nenhuma outra palavra foi tão usada durante a campanha de Joilto e Rossy quanto esta: valorização. Os primeiros “agraciados” com a tal valorização da gestão “panainesca” foram os artistas. Logo eles, que deram à vitória para a dupla presidencial com um apoio importantíssimo desta grande área que tem uma soma considerável de votos. No primeiro ano de gestão, muitos artistas e funcionários ficaram sem receber seus contratos em sua totalidade; o tratamento mudou para pior. Não houve o mesmo diálogo e simpatia de antes da eleição e tampouco a mesma abertura.

CURRAL NOVO

 

Imagem: Reprodução / Internet
Imagem: Reprodução / Internet

 

Essa sem dúvida nenhuma, junto com a promessa da construção da “Indústria do Folclore”, foi a mais fantasiosa e mentirosa de todas as propostas: maior até que a promessa tri. Prometeram um curral novo, amplo com uma melhor estrutura para o sócio e o torcedor. Mas, o que se viu nos últimos três anos foi um curral, na maioria do ano, sujo, abandonado, escuro e sem o devido zelo e cuidado. Tivemos que enfrentar as chacotas e gozações na época natalina pois, enquanto a Cidade Garantido ficava às claras, iluminada e ornada enquanto o Zeca Xibelão ficava às escuras, sem vida e abandonado. E o curral novo? Só foi visto no vídeo apresentado na feijoada na quadra da Aparecida em 2013.

ESCOLINHA

Imagem: Reprodução / Internet
Imagem: Reprodução / Internet

 

As promessas feitas para o Boi Social que envolviam à Escolinha de Artes Irmão Miguel de Pascale são dignas de poucas palavras que se resumem bem a atual situação da vitrine cultural e artística da Francesa e do Palmares: vergonha alheia. O maior projeto social do boi encontra-se deteriorado e de portas fechadas. É inadmissível a irrelevância dada a esse patrimônio, que este ano completou 18 anos de sua fundação, pelos vários talentos revelados em suas oficinas que hoje brilham, e que já brilharam, grandes estrelas do Festival Folclórico de Parintins. Nossas crianças estão “órfãs” e sem um “lar” artístico, social, cultural e educacional pelo fracasso administrativo tão latente quanto reconhecido.

seo

– Meu velho!

– O que é curumim?

– Prometa-me uma coisa?

– Depende do que for.

– Não, meu velho é sério. Prometa-me?

– Pela cachaça da Baixa. Tá bom, diga lá o que eu tenho que prometer.

– Prometa-me que nunca me prometerá nada?

–  Tá… Prometo!

– O senhor não leva nada à sério mesmo, hein?

– Espia já! Ainda. Tu pediu para eu prometer curumim alesado!

– “Cim”… “Cim”. Era para o senhor recusar-se, ora pois!

– Off Line.

orelha

A maior de todas as promessas feitas pelos dois presis na campanha de 2013 não foi a conquista do tricampeonato, o curral novo e ampliado, a mega estrutura onde concentraria as áreas de criação do boi, a união e valorização, a transparência e respeito às opiniões contrárias, a manutenção da escolinha de arte, o resgate da pseudo democracia dentro do boi. Nada disso é maior frente à promessa de um futuro melhor diante de um presente estável. Em 2013, tínhamos um boi temido; com credibilidade; respeitado por todos; um time competente e competitivo; tínhamos uma liderança; sem dívidas trabalhistas; sem pendências com nossos artistas e uma relação de respeito com os torcedores e sócios que divergiam da gestão. A maior de todas as promessas que a gestão Joilto Azêdo e Rossy Amôedo fez e não cumpriu foi a de prometer esperança e glória e nos entregar, ao final de seu mandato, desilusões e arrependimentos.

rap

#MuitaBacabaPraPoucaFarinha; #FizeramTudoAoContrario;
#MuitaBacabaPraPoucaFarinha; #FizeramTudoAoContrario;
#QueODigaOCretinoColunista; #OraPois”Cim”;
#QueODigaOCretinoColunista; #OraPois”Cim”;

 

#CanalDeNadaComCoisaNenhuma; #FaltouUmBocadoDeCoisa;
#CanalDeNadaComCoisaNenhuma; #FaltouUmBocadoDeCoisa;
#PropagandaEnganosa; #EuJáSabia;
#PropagandaEnganosa; #EuJáSabia;

* O Instituto Cultural Ajuri – INCA, através do Projeto “Baiás, parceria na Arte e na Vida” realizou a doação de roupas e brinquedos a Casa de Apoio às Crianças Filhas de Migrantes São Geraldo. A ação conta com o apoio e a ajuda de um grupo de voluntários que proporcionar a inclusão sociocultural para comunidades desassistidas. #AçãoDoBem;

* Os Baias são formados pelos rubros compositores Marcos Boi, Jonh Kennedy e Enéas Dias. #Parabéns;

* A agrovila do Mocambo, zona rural de Parintins, fez bonito no último final de semana com o seu festival folclórico com as apresentações dos bois Espalha Emoção e Touro Branco com apresentações ricas na criatividade, talento e competitividade e o grande campeão será conhecido hoje, segunda, 08. #BonitoDeSeVer;

* Um passarinho multicolorido cantou ao cretino colunista que um dos olheiros da Globo responsável pela escolha dos participantes para o próximo BBB na seletiva Manaus ficou encantado com a beleza da rubra rainha do Boi Garantindo Isabelle Nogueira ao ponto de convidá-la para participar do programa global. #PassadoComAGatesa;

* Isabelle, no entanto, inclinou do convite após conversar com seus familiares e amigos mais próximos por entender que não era o momento certo e que dedicará todo seu tempo para o Festival de 2017. Ainda mais se a rubra gatesa for eleita a mais bela da Baixa do São José. #PreferiuOBoi;

* Mas, o olheiro não desistiu e voltou seu olhar para um certa musa da Francesa e do Palmares para estrelar o BBB de 2017. Um item feminino estaria sendo contactado para entrar na casa mais vigiada do país. #MariaOuBrena?

alvo 12 13 14 15 16

É só por hoje…

… Por hoje!

Até a próxima…

#SouVítima!

você pode gostar também