Em Coari delegado divulga vídeo de morte e ameaça entre facções de ‘piratas’

Um homem aparece sendo ameaçado com armas de fogo e um terçado na cabeça, ao lado de um corpo ensaguentado. Foto: Reprodução

O delegado de Coari, Mauro Duarte, divulgou um vídeo, na internet, em que criminosos capturaram e torturaram integrantes de um grupo rival

Beatriz Gomes |D24am

Manaus – O delegado do município de Coari (a 363 quilômetros a oeste de Manaus), Mauro Duarte, divulgou, neste domingo (7), um vídeo, na internet, em que homens de uma das facções criminosas de Coari e Tefé (a 523 quilômetros a oeste da capital), a ‘Piratas do Rio Solimões’, capturaram e torturam quatro integrantes de um grupo rival. No vídeo, um homem aparece sendo ameaçado com armas de fogo e um terçado na cabeça, ao lado de um corpo ensaguentado.

Segundo o delegado, a divulgação do vídeo permitiu a identificação de um dos homens torturados. “Após a publicação do vídeo, recebemos a ligação de um parente de uma das vítimas, que o identificou. Também temos informações de que havia outros dois homens que foram mortos e jogados no rio, como acontece, normalmente, nesses casos de disputa”, disse. O delegado disse que não revelou a identidade da vítima para não atrapalhar as investigações.

Circula desde abril

O vídeo já circulava desde abril e o delegado teve acesso a ele, em Codajás (a 240 quilômetros a oeste de Manaus), antes de publicá-lo em uma rede social.

Quem tiver mais informações sobre o caso pode ligar nos telefones (97) 3561-3124/3815, (97) 98123-3791 e (92) 98818-1159. A polícia ressalta a garantia de sigilo para quem passar dados sobre a investigação.

você pode gostar também