Estudantes medalhistas voltam do México com ótimo desempenho

Os estudantes do Centro de Educação Tecnológica Integral Deputado Gláucio Gonçalves (CETI) apresentaram ao prefeito Alexandre da Carbrás as medalhas conquistadas na Expo ciência 2016 realizada em Mazatlán, no México.

O desempenho dos alunos no evento credenciou os jovens cientistas a participarem da Feira Mundial que acontecerá no Brasil e para outra competição no Chile. Na ocasião, os estudantes entregaram ao prefeito uma réplica da jaqueta utilizada por eles na feira.

Onze países da América Latina e 2 do continente europeu participaram da Esi Amilat Milset 2016. Entre os projetos, os alunos do CETI apresentaram “Uso dos materiais recicláveis no ensino da geometria”.

A professora do CETI, Cristiana Oliveira, explica que todos os países apresentaram projetos de alta qualidade científica, mas o Brasil foi escolhido como representante do continente latino americano. Ela
afirma que o trabalho dos alunos parintinenses foi inovador, porque une a matemática ao tema ambiental e nas avaliações como prova Brasil e Sadeam.

O aluno José Barbosa ressalta que o trabalho vem sendo elaborado há quatro anos e apresentou bons frutos com a ida ao México. Para ele, é motivo de emoção ir para outro país representar o Brasil, a escola e em especial Parintins. “Nós só conseguimos isso porque tivemos apoio da Prefeitura Municipal e do Governo do Estado com as passagens. Além de apresentarmos um novo método de ensino da matemática, também mostramos que em Parintins se faz ciência de qualidade”, frisa.

A aluna Deiziane Morais contou que participar da feira foi uma experiência que marcou sua trajetória. Ela se sente privilegiada junto aos colegas por receber a ajuda do poder público municipal para realizar um sonho. “É uma oportunidade única na nossa vida. Muitos jovens desejariam fazer essa viagem e nós fomos agraciados. No México trocamos conhecimentos e ideias com outros alunos, tudo isso com a ajuda do prefeito”, ressalta.

Para a estudante Rainara Ribeiro foi uma honra representar o município de Parintins fora do país. Ela disse que, além de aprender um pouco sobre a língua espanhola, conheceu novas culturas. “Foi inesquecível.

Mostramos que a nossa educação é de qualidade. Por isso agradeço ao prefeito, por que outros estudantes, de outros Estados, não tiveram o mesmo apoio como nós”, pontua.

você pode gostar também