Favorito para assumir seleção, Tite mantém rotina no Corinthians

Tite durante treino do Corinthians na tarde da demissão de Dunga da seleção brasileira: rotina normal, mas um clima de expectativa no ar - Edilson Dantas / Agência O Globo

Técnico deve se reunir ainda hoje com direção do CBF para acertar contratação

SÃO PAULO – Tite pode ter comandado na tarde desta terça-feira seu último treino no Conrinthians. Agora à noite ele é esperado no Rio de Janeiro para uma reunião com o presidente da CBF, Marco Polo del Nero, que lhe fará o convite para assumir o comando da seleção brasileira. O encontro será na sede da CBF, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, por ser perto do aeroporto de Jacarepaguá. O técnico é aguardado por volta das 19h. Dunga, que assumiu a seleção após o fracasso na Copa do Mundo de 2014, foi demitido à tarde, depois de retornar dos Estados Unidos, onde o Brasil fez campanha pífia na Copa América Centenário, eliminado na primeira fase.

Nesta terça Tite manteve sua rotina normal no CT Joaquim Grava. Antes do início da atividade, conversou com os jogadores por cerca de dez minutos. Ao fim do treino, deu alguns autógrafos aos fãs e saiu sem falar com os jornalistas. A expectativa é que o técnico viaje no fim da tarde para o Rio.

A CBF já tinha feito contato por telefone com Tite, que, no entanto, não quis se alongar na conversa. Isso porque uma das condições impostas pelo treinador para negociar sua ida para a seleção é que Dunga não estivesse mais no cargo. Outra condição imposta por Tite é ter liberdade para escolher a sua comissão técnica. Edu Gaspar, gerente de futebol do Corinthians, deve fazer parte da seleção caso Tite seja de fato o novo técnico da seleção.

TÉCNICO ASSINOU MANIFESTO CONTRA CBF

Para fecharem acordo tanto Tite como a CBF terão que passar por cima de um atrito recente: em dezembro de 2015 o treinador assinou um manifesto que pedia a destituição da diretoria da confederação e a convocação de novas eleições. “Exigimos a renúncia definitiva de Marco Polo Del Nero e sua diretoria, seguida da convocação de eleições livres e democráticas para o comando da CBF”, dizia um trecho do texto.

O abaixo-assinado, apoiado por mais de 100 esportistas, foi organizado pelo movimento Bom Senso, e apresentado em um protesto na frente da sede da CBF, no Rio de Janeiro.

CAMPEÃO MUNDIAL EM 2012

Esta é a terceira passagem de Tite pelo Corinthians. Na primeira, em 51 jogos, foram 24 vitórias, 15 empates e 12 derrotas, com 62 gols marcados e 44 sofridos. No fim de 2010, o técnico voltou ao Parque São Jorge e por lá ficou até 2013, acumulando 99 triunfos, 65 empates e 44 derrotas, com 256 gols a favor e 151 contra. Em 2011, foi campeão brasileiro e, no ano seguinte, ganhou os dois mais importantes títulos da história do clube paulista: a Libertadores e o Mundial de Clubes.

A última passagem do treinador pelo Corinthians começou ano passado, com mais um título brasileiro. Em 67 jogos desde então, são 41 vitórias, 16 empates e 10 derrotas, com 117 gols a favor e 54 sofridos.

você pode gostar também