-Publi-A-

Festival de Barreirinha inicia com o entusiasmo das quadrilhas

Ao abrir a maior manifestação folclórica do Município, a dupla Glenio Seixas e Luis Picanço, aproveitaram o momento para agradecer o comparecimento da população para a XXX Edição do Festival Folclórico de 2017.

O vice- prefeito, Luis Picanço, em sua fala engrandeceu a participação de muita gente na organização para que o evento chegasse a proporção que hoje chegou. “A população de Barreirinha estava esperando por esse grande momento da cultura local expandir para que todos conheçam a nossa identidade cultural e, mais do que nunca, o nosso papel e compromisso, apesar de muitas críticas que recebemos, é fazer uma grande festa, um espetáculo da qual a população é merecedora”, disse o vice-prefeito.

Já o prefeito Glenio Seixas disse que essa é a hora de fazer com que o Touro Branco e o Touro Preto sejam conhecidos em todo o Brasil e quem sabe no mundo e que o investimento no festival, apesar da crise, é um investimento para o futuro. “”Quero aqui, em nome de toda a administração, parabenizar as nações azul e vermelha pela grande festa que vão fazer e também as quadrilhas e o bois mirins que voltam para o resgate da nossa cultura, onde estamos dando oportunidade para as nossas crianças brincarem no festival”, afirmou.
Primeira noite

A primeira quadrilha a se apresentar na disputa das danças, foi a quadrilha Nova Conquista no Folclore e homenageou Barreirinha e seus poetas, levando muita alegria ao público que lotou a arquibancadas do Touródromo.
Depois foi a vez da quadrilha Os Caipiras na Roça, onde em seu ponto alta da apresentação fez uma homenagem a Nossa Senhora Aparecida que completou 300 anos e que foi encontrada no Rio Paraíba do Sul em São Paulo, por pescadores e o tradicional casamento na roça.
A terceira quadrilha a participar da disputa foi a Tradicional Dançando na Roça, atual campeã, também rendeu homenagens a Nossa Senhora Aparecida.

E fechando a participação das danças foi a quadrilha Nova Geração, que levou para a disputa uma homenagem a virgem Aparecida e o sítio do Pica Pau Amarelo em homenagem as Crianças do Brasil.

você pode gostar também