-Publi-A-

Fotografia e sentimento: as imagens que emocionaram Parintins durante vacinação dos idosos

Eldiney Alcântara | 24 Horas

[email protected]

Foi impossível não se emocionar com as imagens que navegaram a internet nesta quarta-feira, 27, em Parintins, durante a vacinação na segunda etapa da campanha voltada aos idosos acima de 75 anos. As lentes dos fotógrafos capturaram ações, pessoas e geraram comoção e esperança nas redes sociais.

O dia foi corrido não só para os profissionais da saúde, mas um outro grupo de trabalhadores também se dedicou desde as primeiras horas do dia a registrar um momento único e esperado por muitas pessoas. Fotógrafos parintinenses percorreram as unidades de saúde da cidade e conseguiram levar imagens e emoção ao mundo.

O fotógrafo, Arleison Cruz, trabalha na área há seis anos. Suas fotos circularam na internet. Ele ficou emocionado com as imagens da vacinação dos idosos. “Ver a alegria nos olhos deles, poder registrar esse momento foi muito emocionante. Cada um deles com um semblante diferente, trazendo alegria no olhar, emociona tanto pra quem vê a fotografia, quanto pra quem está ali registrando. Gostei de todas as fotos que eu fiz, porque cada uma tem um sentimento especial por cada idoso que foi vacinado hoje”, disse satisfeito.

Foto: Arleilson Cruz

Especialista em registros de imagens aéreas, o profissional Yuri Pinheiro também capturou momentos emocionantes nas ruas e unidades de saúde. Para ele, foi gratificante eternizar esse dia com fotos carregadas de sentimento e significado. “Com o tempo a gente aprende uma maneira de fotografar que passe emoção pra quem vê. Me sinto recompensado pela oportunidade de poder fazer parte desse momento”, agradeceu.

Foto: Yuri Pinheiro

A máquina do fotógrafo Júnior Preto (Juju) capturaram imagens de diversos tipos de pessoas, mas que expressavam o mesmo sentimento de felicidade, esperança e gratidão. São 12 anos de fotografia, mas esse dia vai ficar marcado na vida deste profissional. “Momento único e emocionante. Isso pra mim se resume em gratidão e fé”, revelou emocionado.

Foto: Júnior Preto (Juju)

As imagens deste dia ficarão guardadas na memória das pessoas e na história do município. O fotógrafo Pitter Freitas se sente feliz em criar um legado com grande significado. “Pra mim, como repórter fotográfico, foi um momento único e que vai ficar registrado na história de Parintins. Poder fazer parte e contribuir com minhas imagens, que com certeza irão servir pra história de Parintins, mostrando que vamos vencer esse vírus”, destacou.

Foto: Pitter Freitas

As fotos viralizaram nas redes sociais. Mais que informação, as imagens levaram esperança a todos que lutam contra essa doença. “Mais gratificante é vê a esperança que gerou em todos nós. Todo mundo feliz com os registros, não só minhas fotos, mas as fotos dos colegas. A repercussão que deu foi de esperança e que daqui em diante tudo vai dar certo e vamos vencer essa guerra”, concluiu Pitter Freitas.

você pode gostar também