‘Gilzinho’, zagueiro do Corinthians quer se naturalizar nigeriano: ‘Jogo pela minha família’

Gil deixou o Corinthians no começo deste ano e foi para o futebol chinês. Porém, a falta que a torcida sente do defensor campeão brasileiro pode estar com os dias contados. Não, o atleta de 28 não está voltando ao time alvinegro, mas, das categorias de base do clube, pode surgir um substituto.

Conheça Franklin Joseph, ou melhor, “Gilzinho”, defensor do Corinthians sub-17 que foi campeão da Copa do Brasil da categoria na última terça-feira. As semelhanças físicas e a mesma posição do antigo zagueiro da equipe renderam as comparações.

“Falta muito (para ser o novo Gil). A comparação começou no meu primeiro treino profissional. O Luciano me viu, me chamou de Gil, aí pegou ‘Gilzinho’, e todo mundo me chama de Gil até hoje. Eu gosto”, disse ao ESPN.com.br.

O defensor de 17 anos, porém, mantém os pés no chão. “Tem o lado bom e o ruim disso. Eu tenho que olhar como as pessoas me falam, mas também não posso deixar subir na cabeça. Tenho que continuar trabalhando e fazer meu papel dentro de campo”, afirmou.

Franklin é filho de pai nigeriano e mãe brasileira e está no Corinthians desde a categoria sub-11. O defensor planeja se naturalizar para poder jogar pela seleção africana.

'Gilzinho', zagueiro do Corinthians sub-17© Reprodução ESPN ‘Gilzinho’, zagueiro do Corinthians sub-17

“Ano passado, eu estava vendo de me naturalizar nigeriano, só que não deu certo e deixei para esse ano. Se eles me chamarem para jogar, eu vou sem problemas, porque jogo futebol pelo meu pai e pela minha família”, explicou.

A naturalização ainda não saiu por falta de dinheiro. Em 2015, o defensor não pôde comprar a passagem para Brasília, onde fica a Embaixada da Nigéria. Agora, a ideia é ir este ano para lá. “Quero me naturalizar nigeriano logo. É só ir pra lá e levar os documentos. É rapidinho”, falou.

A Federação Nigeriana de Futebol ainda não entrou em contato com o jogador, que não esconde a vontade de defender o país africano. “Quando eu estiver apto, se os caras me convocarem, eu vou”, disse Franklin, que listou alguns dos atletas nigerianos que já ouviu falar.

'Gilzinho', durante jogo contra o Sport no Pacaembu© Reprodução ESPN ‘Gilzinho’, durante jogo contra o Sport no Pacaembu

“Tem o Mikel (do Chelsea), e meu pai me falou que tinha um cara que jogava muito: é o Jay-Jay Okocha (ex-PSG), mas ele já parou de jogar. Eu não conheço muito, mas a Nigéria tem muito jogador bom.”

Do ESPN

você pode gostar também