-Publi-A-

Governo do Amazonas nomeia mais 73 aprovados no concurso da Adaf

Foto: Arthur Castro/Secom.

O Governo do Amazonas nomeou mais 73 aprovados no primeiro concurso público da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado (Adaf). Com isso, fica concluído o chamamento para todas as vagas previstas no edital do certame. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia 4 de dezembro, disponibilizado no site da Imprensa Oficial nesta quarta-feira (9). Os candidatos receberão notificação pessoal para tomar posse.

A primeira chamada de aprovados ocorreu em março deste ano, mas os procedimentos para posse foram suspensos em decorrência da pandemia de Covid-19, sendo retomados em julho. Agora, serão convocados nove assistentes técnicos, 38 técnicos de fiscalização agropecuária, cinco fiscais agropecuários engenheiros florestais, cinco motoristas, quatro motoristas fluviais, um administrador, um contador, um economista, um estatístico, quatro engenheiros agrônomos e quatro médicos veterinários. Dos nomeados, 66 são para vagas de ampla concorrência e sete são pessoas com deficiência (PCDs).

O primeiro concurso da Adaf ofertou 208 vagas e teve o resultado homologado no dia 29 de maio de 2019. Em razão das limitações impostas pela Lei de Responsabilidade Fiscal, a nomeação dos aprovados somente foi possível mediante assinatura de um Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) entre o Governo do Amazonas, Procuradoria Geral do Estado (PGE), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Ministério Público de Contas.

“A nomeação de todos os aprovados é uma grande conquista para a Adaf, que vai fortalecer suas ações de defesa do patrimônio animal e vegetal e, consequentemente, contribuir para a valorização dos produtos regionais, para o fortalecimento econômico do Estado e para a manutenção da saúde pública”, destaca o diretor-presidente da agência, Alexandre Araújo.

Convocação para vagas remanescentes – No dia 23 de novembro, o Governo do Estado nomeou 20 aprovados no concurso público da Adaf, que já foram notificados para tomar posse.  O chamamento do mês passado visa a preencher as vagas remanescentes da primeira convocação, em março deste ano, quando foram nomeados 134 aprovados.

você pode gostar também