-Publi-A-

Governo do Estado inicia transmissão de aulas de reforço gratuitas pela televisão e internet para estudantes da rede pública

“Contraturno Digital” faz parte do programa “Educa+Amazonas”, que está investindo R$ 400 milhões na Educação do estado

O Governo do Amazonas estreou, nesta segunda-feira (02/08), o “Contraturno Digital”, projeto que irá ofertar aulas de reforço escolar a estudantes dos ensinos Fundamental e Médio das redes públicas, por meio de transmissões pela TV aberta e Internet. A iniciativa contempla o eixo de recuperação da aprendizagem do programa “Educa+Amazonas”, que está investindo R$ 400 milhões na Educação do estado.

A estreia ocorreu após a programação do “Aula em Casa”, com uma aula inaugural, na qual foram apresentadas, aos alunos e professores dos 5º e 9º anos e 3ª série, as orientações pedagógicas do “Contraturno Digital”.

Para o secretário de Educação, Luis Fabian Barbosa, o projeto é essencial para minimizar os efeitos da pandemia na vida do estudante. “Nós sabemos que, durante a pandemia, houve várias lacunas de conhecimento que surgiram nos alunos, em razão das faltas ou da pouca frequência às aulas. E esse é o momento de nós recuperarmos a aprendizagem dos estudantes, por meio de um programa de reforço escolar sem precedentes no estado do Amazonas”, afirmou.

Assim como ocorre com o “Aula em Casa”, o “Contraturno Digital” será transmitido pelas TVs Encontro das Águas, nos canais 2.3 (5º ano) e 2.4 (9º ano), e Tiradentes, no canal 20.3 (3ª série), de segunda a sexta-feira, às 10h e às 16h30. Além da tevê, os estudantes poderão acompanhá-lo, também, pelo canal do projeto no YouTube, no link https://bit.ly/2VjRsu1, e pelo aplicativo Aula em Casa. No app, as aulas do 5º vão ser exibidas pelos canais do 6º e 7º anos. As primeiras aulas de reforço escolar irão ao ar nesta terça-feira (03/08).

De acordo com a diretora do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam), professora Wilmara Monteiro, as aulas do “Contraturno Digital” são diferenciadas.

“É um projeto direto, que vai estar trabalhando descritores e predecessores críticos para que os nossos alunos consigam ter bons resultados nos exames de larga escala. A ideia são aulas curtas, de 15 minutos, com novo formato, bem dinâmico, em que o professor está praticamente conversando com esse estudante”, destacou Wilmara.

Com a iniciativa, alunos do Ensino Fundamental (5º e 9º ano) terão reforço de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia e Ciências. Já os estudantes da 3ª série do Ensino Médio irão assistir a aulas de Língua Portuguesa, Matemática, Biologia, Física, Química, História e Geografia.

Materiais de apoio – Junto às videoaulas, o “Contraturno Digital” oferecerá alguns materiais de apoio aos alunos e professores. Para os estudantes, serão disponibilizados cadernos digitais de exercícios, que contarão com extensa lista de atividades, com foco nos conteúdos trabalhados, e orientações didáticas para o que o aluno consiga compreender melhor as questões dispostas.

O material terá ainda links interativos que levarão o estudante a novas páginas, jogos on-line, recursos em 3D e outros objetos digitais.
“Espero que os alunos aproveitem bastante o material didático que foi produzido. O material digital tem links interessantes, tem um material muito rico lá para reforçar ainda mais o conteúdo que vai ser trabalhado em tela e que todos possam aproveitar bastante o conteúdo do ‘Contraturno Digital’, que começa amanhã”, reforçou o professor de História, Heberson Cardoso.

O caderno digital poderá ser baixado na plataforma Saber+, por meio do link www.sabermais.am.gov.br. No caso dos alunos que não têm acesso à Internet, o material será disponibilizado às escolas.

Já os professores da rede estadual receberão, via e-mail institucional, um caderno de orientação, no qual constarão propostas de atividades, leituras de textos, orientações didáticas e gabaritos comentados.

Ampliação – Em 2022, o “Contraturno Digital” será ampliado e passará a atender também alunos dos 6º, 7º e 8º anos do Ensino Fundamental e 1ª e 2ª série do Ensino Médio.

você pode gostar também