Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz cria ambulatório para pacientes com sequelas da Covid-19

O Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, localizado na zona norte de Manaus, passou a oferecer acompanhamento ambulatorial para pacientes adultos e infantis que ficaram com sequelas em decorrência da Covid-19.

O serviço, que começou a funcionar em outubro, nesse primeiro momento, vai atender pacientes que se recuperam da doença, mas ainda estão internados e seguem sendo atendidos na própria unidade.

Segundo o secretário executivo adjunto de Atenção à Urgência e Emergência, Moab Amorim, no ambulatório, esses pacientes irão realizar atividades de melhoria de fluxo respiratório, com condicionamento respiratório adequado.

“A fisioterapia que oferecemos, no ambulatório, nada mais é que atividade física, exercícios, para você condicionar e melhorar a função respiratória, muscular e de troca de gases do paciente”, explica Moab. O secretário afirma que, infelizmente, muitos pacientes precisarão de um longo tempo de recuperação, após a internação.

O paciente que apresentar sequelas após se curar de Covid-19 pode procurar atendimento clínico em qualquer unidade da rede pública de saúde e, após avaliação, se for o caso, será encaminhado para fazer acompanhamento no ambulatório do Delphina Aziz.

De acordo com Moab, em Manaus, de 3% a 4% dos infectados com o novo coronavírus apresenta algum tipo de sequela. “As principais sequelas hoje são insuficiência renal, aguda e crônica, lesões pulmonares permanentes, em todos os níveis e, em alguns casos, os pacientes começam a desenvolver hipertensão crônica”, afirma Moab.

O secretário executivo ressalta que esse serviço aos pacientes com sequelas de Covid-19 será ainda reforçado com a inauguração do Centro Especializado em Reabilitação IV (CER IV), localizado atrás do Delphina Aziz, que deve ocorrer até o final do ano.

você pode gostar também