Iranduba e Manacapuru, seguem sem energia elétrica mais de 20 horas após rompimento de cabo

Os municípios de Manacapuru e Iranduba, que tiveram o abastecimento de energia elétrica suspenso no início da tarde de sexta-feira (19) após o rompimento de um cabo subaquático de 69 kV, seguem sem luz na manhã deste sábado (20).

De acordo com a concessionária Amazonas Energia, os cabos romperam às 13h51. Ainda não há previsão para o restabelecimento da energia.

Um dos cabos foi encontrado em curto-circuito.

A concessionária informou ainda que não sabe se o cabo foi rompido por desgaste natural ou ação de terceiros (tentativa de furto), conforme já ocorrido duas vezes, em fevereiro e maio deste ano.

Abastecimento na região

A empresa informou que os municípios são abastecidas com energia elétrica por meio de cabos subaquático isolados instalados no leito do Rio Negro, bem como linha de Distribuição aérea, também em 69.000 Volts.

Em nota, a empresa informou ainda que providencia uma solução de abastecimento alternativo, com a utilização de unidades geradoras a diesel.

Apagão no interior

Em fevereiro deste ano, houve apagão nos dias 14 e 18. Os moradores dos dois municípios enfrentaram um apagão que durou quase 24 horas. O abastecimento foi suspenso das 18h30 do dia 14 e se estendeu até as 16h da do dia seguinte, após rompimento de fiação que liga a rede elétrica da capital a Iranduba.

De acordo com informações da Eletrobras Distribuição Amazonas, na ocasião, um equipamento foi danificado após uma tentativa de furto de cabo subaquático de 69 kV, no Rio Negro.

Com informações do g1

você pode gostar também