-Publi-A-

IWMF dá bolsa para mulheres jornalistas que querem fazer reportagem sobre o Sudão

A organização International Women’s Media Foundation (IWMF) recebe, até 3 de junho, inscrições de mulheres jornalistas interessadas em uma bolsa para produzir reportagens sobre temas de sociedade civil no Sudão do Sul, país africano. As informações são do Blog Novo em Folha e da IJNET.

Profissionais de qualquer nacionalidade, desde que sejam fluentes em inglês e possuam no mínimo três anos de experiência em jornalismo (sem contar o período de estágio), poderão participar. 

Durante o processo seletivo, a IWMF também avaliará quais candidatas oferecem mais garantias de que publicarão uma reportagem sobre o Sudão do Sul, quando retornarem. Quem puder anexar uma carta do editor de um veículo da grande imprensa, mostrando o interesse, terá mais chances. 

A viagem será realizada entre 8 e 24 de agosto. As selecionadas iniciarão a viagem em Nairóbi, no Quênia, onde participarão de um treinamento e orientação de segurança. Depois, partirão para Juba, capital do Sudão do Sul, por 10 dias, onde poderão interagir com outros jornalistas, reportar de forma independente e colaborativa e obter acesso a fontes e sites relacionados a suas reportagens.

Serão selecionadas seis jornalistas (freelancers ou empregadas em um meio de comunicação). Elas deverão ter interesse em perseguir histórias que fujam do foco em instabilidade política, conflitos armados e a crise humanitária nos países africanos.

Todos os gastos com passagens, acomodação e alimentação serão cobertos pela IWMF. As bolsistas que moram fora dos Estados Unidos serão responsáveis ??por obter todos os vistos necessários, no prazo para fazer a viagem. Esses gastos serão reembolsados.

Para se inscrever e obter mais informações (em inglês), clique aqui.

Com informações do Portal Imprensa

você pode gostar também