-Publi-A-

Jornalista e advogada vencem eleição na Associação Cultural Lindolfo Monteverde

As bisnetas de Lindolfo, obtiveram 72 votos dos associados

Pregando transparência, organização, e respeito a chapa de Suzan Monteverde foi eleita neste domingo.

Hudson Lima | ParintinsAmazonas

[email protected]

Parintins (AM) – A jornalista Suzan Monteverde e a advogada Camila Monteverde venceram a eleição e vão presidir a Associação Cultural Lindolfo Monteverde pelos próximos anos. Suzan e Camila da chapa 01 “Confiança no Futuro” obtiveram 72 votos dos filhos, netos e bisnetos de Lindolfo Marinho da Silva, o Lindolfo Monteverde, criador do Boi Bumbá Garantido. A instituição existe há 26 anos e é a primeira vez que os bisnetos tomam à frente.

“Que venha uma nova gestão. Vencemos mais uma etapa. Foi lindo de ver e perceber o quanto podemos sim ser unidos. Grata a todos familiares pela Confiança do futuro. Foram 72 corações que depositaram seu afago e sua esperança em duas “cunhatães”, sim. Meninas, mulheres, professora, advogada, garantidas e cheias de vitalidades e novos olhares para a família Monteverde” escreveu a presidente eleita Suzan logo após o resultado final.

Para Suzan agora começa um novo ciclo de responsabilidade, transparência, respeito e autonomia da Associação Cultural.

Além de Suzan e Camila fazem parte da diretoria; Mariney de Carvalho Simas, Franciane Tavares de Oliveira, Danielle de Castro Monteverde, Emilly Brisi Tavares Silva, José Michael Tavares Pio, Artur Reis Monteverde e Abelardo Bentes Monteverde.

A chapa envolveu toda as sete famílias que formam a Associação e tem predominância as mulheres no poder. São duas advogadas, uma jornalista, uma administradora de empresas eduas professoras.

CHAPA 02 NÃO COMPARECEU

Os integrantes da chapa 02 que tinha como candidato a presidente Raimundo Monteverde e vice-presidente João Batista Monteverde não compareceram ao local da votação.

Em nota enviada às redações por Cleumara Monteverde, apoiadora da chapa 02, nesta segunda-feira, será dado prosseguimento à denúncia feita contra a chapa 01. Pois, segundo ela, o processo eleitoral teve falhas, inclusive observadas e denunciadas no Ministério Público de Parintins.

A presidente da Associação Cultural Lindolfo Monteverde não quis comentar sobre o assunto.

você pode gostar também