-Publi-A-

Letreiro de Parintins divide opiniões e causa alvoroço nas redes sociais

Eldiney Alcântara | 24 Horas

[email protected]

Fotos do letreiro de Parintins, criado pelo artista Miguel Carneiro no projeto “Eu Amo Parintins, viralizaram nas redes sociais nesta terça-feira, 13. As imagens causaram polêmica nas discussões e dividiram opiniões dos internautas. A obra não está concluída, mas mesmo assim recebe críticas positivas e negativas.

Observando os comentários dos internautas, percebe-se que a principal reclamação ao projeto é quanto ao local onde se encontra e o posicionamento do letreiro. A obra está localizada no porto de Parintins e foi posicionada de frente para o Rio Amazonas. Isso desagradou alguns parintinenses.

 

“Não estamos desmerecendo artista nenhum. O letreiro está lindo mais não no lugar onde foi colocado. Tem vários locais pra por esse letreiro na orla, lugares esses que estão sendo usados por restaurantes e praças que entopem de mesas nas calçadas da orla”, postou no Facebook o internauta Renner Abecassis.

 

 

 

 

 

 

Ronaldo Marques também comentou nas redes sociais quanto ao posicionamento do letreiro. “Respeito a opinião de todos, mas eu acho que com Rio Amazonas atrás ficaria maravilhoso. Eu acho que faltou mais cor também”, criticou.

A internauta Mariney Simas também não aprovou a posição da estrutura. “Não gostei da posição do letreiro, mas eu vou lá tirar foto quando estiver pronto porque eu sou Parintinense, a gente reclama de tudo, nada ta bom, mas depois ta lá se prosando. Enfim, a hipocrisia!”, ironizou.

 

 

Apoio ao artista

As redes sociais também enalteceram o trabalho de Miguel Carneiro. O projeto atende um pedido das pessoas e recebeu muitos elogios, como do Coletivo de Artistas Parintins em Cores. “Não é fácil fazer arte em Parintins. Dizer “Eu Amo Parintins ” só quem tem direito de falar é o AMO DO BOI, ao artista que sonha em contribuir com o embelezamento estético de sua cidade, só resta a incompreensão”, assinou a nota o artista Josinaldo Matos.

“A arte é estupenda como uma ferramenta de provocação da humanidade, ela convida o sujeito a estranhar-se, a experienciar o habitual de uma nova perspectiva. Agora junta isso em uma cidade pequena em algo que todo mundo queria e ninguém teve coragem e nem atitude de fazer… Parabéns, Professor Miguel Carneiro e todos os estudantes, adolescentes do coletivo Projeto Ártrua por fazer toda uma população se inquietar e comentar sobre letreiro e sua concepção artística”, justificou a jornalista Suzan Monteverde.

 

A obra não está acabada. Além do projeto Letreiro de Parintins, o porto da cidade vai se transformar numa espécie de praça temática, pois vai abrigar mais dois projetos do artista Miguel Carneiro: Monumentos Artístico em Parintins e Muralismo em Parintins. Assim, o local vai ganhar, além do letreiro, diversos monumentos com esculturas da cultura parintinense e pinturas na parede que faz fundo ao letreiro.

Sobre as críticas, Miguel também usou as redes sociais para se posicionar “EU SÓ FAÇO É RIR!!! Tá causando? É só escrever um projeto e lutar contra burocracia”, disse o artista, explicando que tentou autorização para colocar o letreiro em outros lugares, mas não conseguiu.

você pode gostar também