Lista do TCE de prováveis fichas sujas aumenta para 846. Bi Garcia e Rildo Maia continua na listagem

Conselheiro Ari Moutinho e o Públio Caio Bessa Cyrino. Foto: Elcimar Freitas

Elcimar Freitas – Fato Amazônico

Manaus – A lista com nomes dos gestores e ex-gestores que tiveram as contas reprovadas pelo TCE nos últimos anos que no mês passado era de 510, este mês aumentou ara 846. A lista que subsidiará a barrar os chamados “Fichas Sujas” foi entregue pelo presidente do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas, conselheiro Ari Moutinho Júnior, divulgou na manhã desta terça-feira,26, ao lado do promotor-chefe do Centro de Apoio Operacional Eleitoral do Ministério Público do Amazonas, Públio Caio Bessa Cyrino.

De acordo com Ari Mourinho, a lista, ainda não é definitiva devido aos recursos que ainda cabem para alguns gestores, mas para alguns os processos já transitaram e julgaram e eles já são “fichas sujas”.

“Alguns nomes podem sair da lista, desde que resolvam as pendências existentes neste momento”, afirmou o presidente em coletiva a imprensa informando que até o momento apenas 15 gestores conseguiram se livrar da listagem que foi entregue ao MP.

De Parintins o nome do ex- prefeito Bi Garcia (PSDB) se mantém na listagem. O nome do vereador Rildo Maia (PMDB) também continua  entre os citados pelo Tribunal de Contas do Estado do Amazonas.

Nos anexos acompanhe a listagem do TCE

Anexos
Arquivo Tamanho do Arquivo
Administração Indireta 197.598KB
Administração Direta 242.808KB
Administração Indireta do Interior 298.222KB
Administração Indireta Estadual 180.288KB
Irregulares Câmaras 396.050KB
Irregulares Prefeituras 589.642KB
você pode gostar também