Messias Cursino perde espaço e pode ser vice de Juscelino, em Parintins

O ex-vice-prefeito de Parintins, Messias Cursino (PDT), que largou na corrida rumo a prefeitura de Parintins, como cabeça de chapa, acabou perdendo espaço político e agora poderá ser o vice de Juscelino Manso (PSB). Enquanto mantinha carreira solo Messias surfava ´na crista da onda` chegando até a ameaçar o favoritismo de Bi Garcia (PSDB) e a reeleição do prefeito Alexandre da Carbrás (PSD).

Mas, agora, nos bastidores, as pesquisas internas dos partidos mostram que Cursino perdeu espaço para o próprio Juscelino Manso. Há dois meses, Messias e Manso resolveram fazer uma dobradinha, e sair visitando eleitores. Num acordo tácito o vice dessa união seria quem perdesse terreno nas caminhadas e é o que estaria acontecendo com o candidato do PDT. Messias chegou a ser disputado por Bi, Marcia Baranda e o próprio Carbrás para uma composição. Mas ele recusou.

Logo depois da eleição de 2012, que disputou com Carbrás, Messias se mudou de Parintins e retornou no inicio de janeiro, deste ano para fazer pré-campanha. Já Juscelino apresentava há dois anos um programa de TV local que lhe deu visibilidade. Ou seja. Juscelino na mídia e Messias fora da mídia.

Na noite desta quarta-feira (03), no diretório do PSB, na rua Geny Bentes, conhecida rua Larga, do bairro Itaúna, Juscelino comandava a reunião entre pededistas e filiados do PSB com a postura de cabeça de chapa. Na reunião estavam os pré-candidatos a vereador.

Nas redes sociais, os aliados já postam o nome de Juscelino Manso por primeiro e de Messias por segundo. Veja ( foto da reunião de quarta(3) no Itauna).   

 

Do DeAmazônia

você pode gostar também