Mestrado da USP abre inscrições em cooperação com a Uepa, em Santarém

A Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação Mestrado Profissional Enfermagem na Atenção Primária em Saúde no Sistema Único de Saúde (CC-MPAPS) da Escola de Enfermagem (EE) da Universidade de São Paulo (USP) abre inscrições a partir desta quinta-feira (11), até o dia 22 deste mês, para seleção no Programa. O Curso é uma iniciativa da USP, em cooperação com o Campus XII da Universidade do Estado do Pará (Uepa), em Santarém, e oferta 10 vagas, com ingresso ainda no 1º semestre de 2021. O edital completo pode ser acessado aqui.

A seleção é destinada a profissionais inscritos no Conselho Regional de Enfermagem (Coren), com vínculo empregatício com o Sistema Único de Saúde (SUS) e que atuam no âmbito da Atenção Primária em Saúde (APS) na região do 9º Centro Regional de Saúde, Estado do Pará.

O curso está vinculado ao Projeto de Cooperação entre Instituições para Qualificação de Profissionais de Nível Superior (PCI), como resultado de acordo da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) com o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen).

A iniciativa é decorrente da integração da EEUSP ao Núcleo de Apoio às Atividades de Extensão Universitária (Nace) em Medicina Tropical (Numetrop), ligado ao Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina (FM) da Universidade de São Paulo (FMUSP).

A parceria já resultou na formação de docentes da Enfermagem da Uepa, e de enfermeiras que atuam nos serviços de saúde do Município, no âmbito do Mestrado Profissional em Atenção Primária no SUS, e pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da EEUSP, em Doutorado e no Mestrado.

As pesquisas científicas e tecnológicas a serem desenvolvidas no Programa de Pós-Graduação devem ter como foco o reconhecimento de necessidades, no âmbito da Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE), da Vigilância em Saúde e da Gestão do Cuidado.

Maria Rita Bertolozzi, coordenadora da turma referente ao Edital EE Nº 005/2021, afirma que a proposta vem corresponder às iniciativas da Capes para a ampliação da formação qualificada de profissionais da Região Norte, em particular, da Área de Enfermagem.

“A iniciativa emerge da necessidade de oportunizar a formação e a qualificação de enfermeiras e enfermeiros que atuam em unidades de saúde dos 20 municípios que integram o 9º Centro Regional de Saúde do Pará. A participação de enfermeiras (os) na rede de atenção à saúde tem sido fundamental para dar sustentação ao Sistema Único de Saúde e responder às necessidades de saúde da população”, disse a coordenadora, Maria Rita.

O modelo de aulas será presencial, online ou híbrido, e dependerá da evolução da pandemia de Covid-19. O Campus XII da Uepa disponibilizará toda a estrutura da Universidade aos alunos aprovados, como salas de aula, laboratórios e biblioteca. As aulas ocorrerão no Campus XII e a defesa se dará na EEUSP.

Com informações doPortal Amazônia

você pode gostar também