Ministro da Cidadania diz que Festival de Parintins é parâmetro para o Brasil

Nesta quinta-feira (09/05), o ministro da Cidadania, Osmar Terra, reafirmou ao governador Wilson Lima o apoio do Governo Federal ao Festival de Parintins. “Da minha parte terá todo meu apoio e todo meu empenho”, assegurou o ministro, que confirmou visita a Parintins no período do Festival e anunciou que, na reformulação da lei federal de incentivo à Cultura, festas populares como os festivais de Parintins e de Ópera do Amazonas, poderão captar até R$ 6 milhões.

O ministro comentou que boa parte dos recursos da Lei Rouanet costumava ir para as regiões Sul e Sudeste, mas que outras regiões, inclusive a Amazônica, têm projetos que necessitam de apoio.

O governador Wilson Lima esteve com o ministro, em Brasilia, acompanhado de uma comitiva formada pela presidente da Amazonastur, Roselene Medeiros; do secretário estadual de Cultura, Marcos Apolo; do prefeito de Parintins, Frank Bi Garcia; e dos presidentes dos bumbás Garantido, Fábio Gadelha Cardoso, e Caprichoso, José Tupinambá Ribeiro, além do procurador dos Bois, André Guimarães.

“É um reconhecimento muito importante da nossa cultura e do estímulo que o Governo do Amazonas tem dado a eventos culturais como o Festival de Ópera.  Mas do que ricas expressões culturais, são eventos que movimentam a economia, geram renda para a população do nosso estado”, destacou o governador.

O secretário de Cultura, Marco Apolo, está otimista após o anúncio de apoio do Governo Federal para a cultura do Amazonas. “Nos deixa muito tranquilo, porque sabemos que não só o Festival de Parintins como outras atividades culturais podem vir a ter apoio do Governo Federal”, disse o secretário.

O ministro recebeu das mãos dos presidentes dos bois o convite para participar do festival. “O ministro da Cidadania é muito sensível e não tenho dúvidas de que teremos um ótimo festival com o apoio de todo mundo”, disse o presidente do Garantido, Fábio Cardoso. O presidente do Caprichoso, José Tupinambá Ribeiro, destacou a importância do Festival. “Nós moramos em uma ilha, mas uma ilha que tem história de cultura. Tem uma história bonita, que é o nosso Festival”.

Operação Aérea – O governador Wilson Lima também esteve no Comando da Aeronáutica para tratar das ações de controle do tráfego aéreo no período do festival, quando o aeroporto de Parintins recebe, em média, 400 voos entre pousos e decolagens.

O comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro do ar, Antônio Carlos Moretti Bermudez, garantiu a estrutura e o apoio da Força Aérea Brasileira no Festival. Ele comentou que a Aeronáutica fará tudo para que o evento aconteça com segurança. “Na parte que nos cabe, o festival irá brilhar”, afirmou.

O prefeito de Parintins avaliou como positiva as reuniões. “É muito importante o trabalho do governador. Todas essas audiências são de interesse do município de Parintins. E foi muito bom ver que o ministro da Cidadania é um entusiasta do que a gente chama de ‘cultura que gera economia’”, afirmou Bi Garcia.

Casa Civil – O governador também esteve reunido com o ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Onyx Lorenzoni, com a líder do Governo Federal no Congresso, Joice Hasselmann, e com o governador de Roraima, Antônio Denarium. Eles trataram de interesses de Amazonas e Roraima. Wilson Lima os convidou para o Festival de Parintins e o ministro-chefe da Casa Civil disse que entende a importância do evento para economia e a cultura nacional.

FOTOS: DIEGO PERES/SECOM

você pode gostar também