-Publi-A-

Moto-taxista foragido do COMPAJ realizava entrega da droga à domicílio em Barreirinha

Policiais militares do 1º GPM, prenderam na manhã desta segunda-feira (07/05) no município de Barreirinha-AM (a 314 km de Manaus), David Marreira Rodrigues, 36 anos (foragido do COMPAJ) e Deyverson Carvalho Beltrão, 26 anos, suspeitos da prática de tráfico de entorpecente.

De acordo com informações da Polícia Militar, a guarnição da VTR 25-8016, composta pelo Sargento PM Carneiro Pinto, Sargento PM Josué, Cabo PM Kildary, Cabo PM J. Matos e Soldado PM Marcos Batista, realizava patrulhamento de rotina na área central, Rua BH1, quando avistou o cidadão em atitude suspeita, conduzindo uma motocicleta de cor preta CG 150.

David Marreira Rodrigues, 36 anos (foragido do COMPAJ) e Deyverson Carvalho Beltrão, 26 anos

Imediatamente foi realizada a abordagem e indagado sobre seu nome, o mesmo informou que se chamava David e que não devia nada à justiça. Porém, levando os policiais à sua residência para apanhar seus documentos, contatou-se, por intermédio da esposa do abordado, que ele era foragido da penitenciária.

Após a confirmação de se tratar de um foragido da justiça, e com autorização da esposa, a polícia realizou busca minuciosa na residência, onde foram  encontradas 42 trouxinhas de pasta base, 01 porção com 109 gramas supostamente cocaína em pedra, e a quantia em dinheiro no valor de R$89,25 e  01 aparelho celular preto.

material encontrado com suspeitos

                                                                                                                                Durante a coleta de informações da origem das drogas, David afirmou que o material pertencia a Deyverson, pois apenas fazia entrega como moto-táxi. Logo, a guarnição com apoio do investigador Calazane, seguiram até a casa de Deyverson onde foi efetuado a prisão do mesmo, sendo encontrado 15 gramas de substância análoga a Pasta Base de cocaína,  03 trouxinhas, a quantia em dinheiro no valor  R$ 31,70, e 01 relógio amarelo.

Diante dos fatos os acusados foram conduzidos à 42ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), juntamente com os materiais apreendidos, para procedimentos legais.

você pode gostar também