-Publi-A-

‘Não furei fila’, afirma jornalista sobre vacinação em Parintins

A Prefeitura de Parintins divulgou hoje, 30, a lista das pessoas que receberam a vacina contra a Covid-19 no município. Um dos pontos de maior discussão foi a vacinação do jornalista da Secretaria Municipal de Saúde de Parintins, Márcio Costa, que recebeu críticas por ter recebido o imunizante. Nas redes sociais, o profissional da imprensa se manifestou:

“O tema dos últimos dias nas redes sociais foi a “vacina que o repórter tomou”. Pois bem, tomei a Vacina. NÃO FUREI FILA. Meu nome estava listado na condição de servidor da Secretaria Municipal de Saúde de Parintins. Sou assistente administrativo efetivo, mas atuo como assessor de imprensa, profissional que diariamente também se expõe, assim como muitos outros. Eu já fui, inclusive, infectado pela covid-19 durante essa atividade.

Minha função me faz estar presente, muitas vezes, em ambientes contaminados, como os hospitais. Vale lembrar que já perdemos em Parintins, dois profissionais de imprensa para este vírus (Della Costa e Aderaldo), expostos para levar a informação até sua casa. Outros também foram infectados e até gravemente internados. No Amazonas já são mais de 20 profissionais da mídia mortos na pandemia. Sou profissional de imprensa e desde 2017 componho o quadro da Secretaria de Saúde. Sou também profissional da saúde.

Se houve equívoco, na minha avaliação, foi em não averiguar se todos os profissionais de saúde dos hospitais, haviam sido vacinados naquele momento. Se tal equívoco ocorreu, ele já está sendo reparado todos os dias pelo importante trabalho de imunização alcançando a todos esses trabalhadores. Entendo perfeitamente comentários neste sentido.

Sou responsável pelos meus atos e palavras. Vou continuar lutando pela vacinação da população com meus posicionamentos. Que os possíveis equívocos continuem sendo revistos e que a população seja Imunizada o quanto antes. É direito nosso!

Pra finalizar, sei da importância da liberdade de expressão. Sou até ao final, a favor da sua possibilidades de se expor, especialmente nas redes sociais. Porém, alguns escolheram o caminhando da agressão, da difamação, do constrangimento e da condenação antecipada. Nestes casos, o caminho ideal é só um. E não abro mão”.

Márcio Costa
Servidor Público Efetivo
Jornalista

Acesse a lista dos vacinados:

https://parintins.am.gov.br/?q=277-lista-8304-documentos

você pode gostar também