-Publi-A-

NEPA/UEA/CNPq e SESC Parintins

Fig01: Planetário Digital de Parintins montado nas dependências do SESC Parintins.

No último dia 26 de agosto (sexta-feira) o NEPA/UEA/CNPq e SESC Parintins iniciarão o atendimento às escolas, universidades e comunidade de Parintins e região circunvizinha. As acções planeadas fazem parte  do projecto internacional do NEPA/UEA/CNPq, que conta com o apoio da  UNESCO  e União Astronómica Internacional (UAI). Vale lembrar que o NEPA/UEA/CNPq  é o representante brasileiro no PLOAD  e ST da UAI.

Todas as acções  da parceria NEPA/UEA/CNPq e SESC Parintins estão a ser  acompanhadas pelos órgãos internacionais.

O objectivo é muito mais que promover a Divulgação Científica, abrangendo também a área de letramento científico, além da inserção de alunos e professores da Educação Básica Amazonense nas áreas de Ensino, Pesquisa e Extensão universitária.

Fig02: Esc. Mun. Lila Maia visita o Planetário Digital de Parintins.
Fig02: Esc. Mun. Lila Maia visita o Planetário Digital de Parintins.

A Escola  Municipal Lila Maia  visitou o Planetário Digital de Parintins dia 26 de agosto. Com uma equipa de docentes altamente engajados  e alunos  muito  atentos (e com um comportamento exemplar), todos  interagiram bastante com o Planetário Digital de Parintins.  No final,  muitas descobertas e um bate-papo descontraído sobre Astronomia.

Na bagagem, os estudantes  puderam  descobrir mais sobre Astronomia Planetária e Estelar. O que, também,  chamou a atenção  de todos os presentes  foi a presença dos  planetas, do Sol e da Lua (logo acima do planetário nas  figuras 01 e 02).

Além de ser recepcionada do NEPA/UEA/CNPq,  a Esc. Mun. Lila Maia foi muito bem recebida pela equipa do SESC Parintins.

Quem também marcou presença foi a equipa da TV Em Tempo, filiada do SBT, que  gentilmente acompanhou uma das sessões  no Planetário Digital de Parintins e  entrevistou  alunos e  a gerente do SESC Parintins,                Srª. Rosemary Pires Cardoso. Os alunos  destacaram  as vantagens  da aprendização dinâmica  e  interactiva. Já a gerente do SESC Parintins sublinhou a importância  da realização das  acções  socioeducacionais. “O SESC  Parintins e o NEPA/UEA/CNPq comungam dos mesmos objectivos, a saber:  socializar  com  as escolas e comunidade os diversos saberes (no caso, na área de Astronomia) e,  ao mesmo tempo,  permitir que  alunos e professores extrapolem  os  conhecimentos adquiridos – na maioria das vezes –   unicamente  na sala de aula através do livro-texto.”- pontuou a gestora Rosemary Cardoso.

Inovação –  esta é a palavra que  melhor define o NEPA/UEA/CNPq.  Adquirido com  fomento da FAPEAM, o Planetário Digital de Parintins, desde o seu surgimento, tem  inovado em sua metodologia e  em seus projectos.

Os projectos  aprovados em  âmbito nacional  e internacional fizeram  com que  o NEPA/UEA/CNPq  se  firmasse como  referência em Astronomia na Região Norte do Brasil.

Apesar  dos dados positivos, o líder do NEPA/UEA/CNPq  assegura que  há muito a ser feito. “Estamos apenas a começar. O NEPA/UEA/CNPq vai crescer muito ainda. Geralmente, um trabalho bem consolidado leva anos para  ser apontado como uma realidade. Tivemos  a  graça de realizarmos  muitas cousas boas  nesta primeira etapa. Mas, já estamos  a planear  o NEPA/UEA/CNPq para 2020.”- afirmou Dr. Nélio Sasaki, líder do grupo de pesquisa NEPA/UEA/CNPq.

Fig03: TV Em Tempo a entrevistar a gestora do SESC Parintins – Sr.ª Rosemary Cardoso.
Fig03: TV Em Tempo a entrevistar a gestora do SESC Parintins – Sr.ª Rosemary Cardoso.

Quando questionado sobre o que é o NEPA/UEA/CNPq, o líder do grupo de pesquisa respondeu: “Uma cousa que certamente não somos é grupo de divulgação científica. O NEPA/UEA/CNPq tem esse nome, pois, é um grupo de pesquisa profissional em Astronomia. As bases das acções do NEPA/UEA/CNPq são: o Ensino, a Pesquisa e a Extensão Universitária. Claro que, também, indirectamente estamos envolvidos com Divulgação Científica. Mas esta última não é o centro do nosso trabalho”.

Lembramos que para  participar das actividades do NEPA/UEA/CNPq  basta entrar em contacto com a equipa do SESC Parintins [falar com             Sr.ª Rosemary Cardoso (Gestora do SESC Parintins) ou com a Sr.ª Carla Ferreira (Coord. Pedagógica do SESC Parintins)]. O agendamento é gratuito  e é realizado unicamente pelo SESC Parintins.  Apesar de estarmos  nos últimos  quatro meses do ano, estima-se  que  o Planetário Digital de Parintins feche o ano de 2016 com  2 mil pessoas atendidas. E para 2017,  a estimativa gira  em torno de  24 mil pessoas/ano.

Mas vale lembrar que  a quadra do SESC Parintins é aberta, logo,  fortes ventos e/ou  forte chuva podem  impedir o atendimento ao público, ok?

Em outro momento, escreveremos mais, porém, falaremos sobre a parte da pesquisa em Astronomia que essa parceria está a fazer.

Por fim, deixamos aqui  nossos agradecimentos  à Gestão  da  Esc. Mun. Lila Maia, à sua equipa de professores e aos  seus alunos. Para  que a educação no espaço não-formal surja, faz-se necessária a participação  das escolas.  E a Esc. Mun. Lila Maia deu o primeiro passo.  Receba nossos parabéns, já estamos com saudades de vocês.  Professores da Esc. Mun. Lila Maia,  fiquem atentos aos projectos  com a temática Astronomia, caso vocês queiram desenvolvê-los  o NEPA/UEA/CNPq poderá dar-lhes  o suporte necessário. Neste caso,  escrevam para nosso endereço electrónico:  [email protected]

Dr. Nélio Sasaki – Doutor em Astrofísica, Líder do NEPA/UEA/CNPq, Membro da SAB, Membro da ABP, Membro da SBPC, Membro da SBF, membro da UAI, membro da PLOAD/Brasil e ST/Brasil, Revisor da Revista Areté, Revisor da Revista Eletrônica IODA, Revisor ad hoc do PCE/FAPEAM, Coordenador do Planetário Digital de Parintins, Coordenador do Planetário Digital de Manaus, Professor Adjunto da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

 

você pode gostar também