Nova exposição do grupo Fotografa Parintins é lançada em 18 de junho

Nove expositores apresentam novo acervo de fotografias sobre os diferentes olhares de Parintins

“Parintins, além do azul e vermelho”. Esse é tema da nova exposição organizada pelo grupo Fotografa Parintins para ser lançada no dia 18 de junho, na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), localizada no Centro de Atendimento ao Turista (CAT), na Rua Jonathas Pedrosa. O projeto curatorial da exposição é assinado pela estudante de Artes Visuais da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Sandra Vasconcelos.

Na segunda fase do projeto, o grupo contará com a participação de nove fotógrafos. A exposição “Parintins, além do azul e vermelho”, conta com trabalhos selecionados de nove expositores sobre diversos aspectos sócios-culturais do município. Os fotógrafos com materiais escolhidos pela curadoria são Pedro Coelho, Luiz Outen, Jousefe Oliveira, Riso Alencar, Justino Guimarães, Sandro Martins, Simone Brandão, Katiúscia Ferreira e Camila Batista.

A curadora Sandra Vasconcelos define que Parintins tem ampla diversidade para ser explorada, um elo entre o homem e a natureza. “A exposição é um caminhar pelo cotidiano amazônico e, ao mesmo tempo, um olhar oblíquo sobre o município de Parintins. Esse trabalho é uma busca que objetiva ver além das ‘feitichizadas’ formas de expressão, amplamente divulgadas no Festival Folclórico de Parintins”, define a curadora da exposição.no

Lentes Caboclas

A primeira exposição fotográfica do coletivo foi realizada em dezembro de 2015, na Praça da Liberdade, com o tema “Lentes Caboclas” e alcançou êxito, com exibição de trabalhos de 13 fotógrafos, com mostra itinerante nas escolas públicas, bairros e instituições públicas. A conclusão do “Lentes Caboclas” ocorreu no mês de abril, na Escola de Artes do Boi-Bumbá Caprichoso “Irmão Miguel de Pascale”.

Tudo isso teve apoio importante como da Prefeitura de Parintins. Ainda no mês de março, a exposição agregou valor ao projeto “Puxirum Cultural”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur).  Integrantes do grupo deram oficinas de noções básicas de fotografia aos alunos nas escolas. A partir de abril, o coletivo começou a definir o novo formato e escolher acervo fotográfico para apresentar novidades a Parintins.

Como começoufot

De uma página em rede social, chamada “Olhar Parintinense”, criada pelos fotógrafos profissionais Pedro Coelho e Pitter Freitas, nasceu o grupo de exposição virtual de imagens “Fotografa Parintins”. Aspectos gerais de Parintins passaram a ser rotina de publicações na web. As pessoas tomaram liberdade de fazer fotos, publicar no perfil do coletivo e houve boa aceitação, com interação dos internautas. O público da internet abraçou a ideia.

“Estamos no processo de curadoria das imagens da nova exposição e organização do evento para o público poder apreciar as fotografias. Vamos mostrar Parintins com uma visão diferente, o além do festival folclórico”, afirma o coordenador do grupo, Pedro Coelho. Fotografias ganham dimensão em âmbito mundial via Facebook. A primeira saída fotográfica do coletivo aconteceu no dia 15 de outubro de 2015, na ocasião do aniversário de Parintins.

você pode gostar também