Novela ‘A Lei do Amor’: Pedro pede Helô em casamento após reaproximação

Nem tudo na vida de Helô (Claudia Abreu) será um pesadelo nos próximos capítulos da novela “A Lei do Amor”. Após ter sua galeria destruída por Tião (José Mayer), o amor de sua vida, Pedro (Reynaldo Gianecchini) vai oferecer ajuda e os dois voltam a se aproximar. Apaixonado, o pai biológico de Letícia (Isabella Santoni) pede a galerista em casamento, de acordo com o colunista Daniel Castro.

Com o maior clima de romance, Helô reorganiza sua galera e elabora um encontro especial entre ela e Pedro no local. “Gostou da surpresa?”, questiona ela para filho de Fausto (Tarcisio Meira). O rapaz a surpreende ainda mais. “Espero que você goste da minha também”, diz ele, dando a ela o anel de sua mãe e pedindo a amada em casamento logo em seguida. Os dois protagonizam uma cena de muita paixão.

Ao ver Helô encantada com o anel de noivado, Pedro se declara. “É mais que noivado. É um compromisso de vida e morte… Uma forma de sacramentar o nosso amor…”, dirá ele. “É a sua mãe nos abençoando, mais uma vez…”, lembra ela do noivado que os dois tiveram nos anos 1990. “Sempre… A gente se pertence… Corpo e alma, Helô…”, vibra Pedro.

Tião destrói galeria de Helô

Decidida a reconquistar Tiago (Humberto Carrão), Letícia se desespera com a possibilidade de Isabela (Alice Wegmann) estar viva, e conta ao seu pai de criação que Helô pode ter visto a garçonete em Paraty. Revoltado, Tião, que é responsável pelo sumiço de Isabela, então resolve ir até a galeria e tenta expulsar Yara (Emanuelle Araújo) lá de lá. A funcionária, contudo, o enfrenta e ameaça chamar a polícia nas cenas que vão ao ar no próximo dia 1 de dezembro.

Em um acesso de fúria, o vilão começa a destruir tudo que encontra pela frente, até depredar completamente as peças da galeria da ex-mulher. Chocada, Yara relata para Pedro o estrago que o marido de Helô fez na galeria. O velejador então fala com Olavo (Tato Gabus Mendes), e o advogado diz que a mãe de Letícia precisa dar queixa na delegacia. Mas o empresário não parece estar com medo de represálias, pois ainda coloca o imóvel da galeria à venda e também se livra de todos os documentos do negócio.

Do Purepeople

você pode gostar também