Parintinenses formam fila no banco para sacarem a primeira parcela do auxílio emergencial

Foto: Gilson Almeida.

Gilson Almeida | 24 Horas
[email protected]

Parintins (AM) – Parintinenses formaram fila na Caixa Econômica Federal para sacar a primeira parcela do auxílio emergencial que serão pagas em três de R$ 600,00 que começou a ser pago nesta quinta-feira (9). O auxílio é um benefício financeiro promovido pelo governo federal destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem como objetivo fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O dinheiro é depositado nas contas da Caixa ou do Banco do Brasil.

Com o isolamento social para evitar a proliferação da doença, milhões de trabalhadores informais diminuíram ou perderam sua renda mensal, como o caso do pintor Arthur Machado, de 37 anos, que tem esposa e uma filha de dois anos. “Com a pessoa se isolando você não tem cliente, não tem pedido, você não tem praticamente nada, tua renda diminui muito e essa renda do governo vai ajudar principalmente famílias carentes. No meu caso ela vai toda pra renda familiar”, desabafou.

Nesta quinta as pessoas que começaram a receber o benefício são as inscritas no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e que têm conta poupança na Caixa ou Banco do Brasil.

Foto: Gilson Almeida.

É recomendado que as pessoas ao sair de casa use máscara, mantenham no mínimo dois metros de distância, mantenham as mãos limpas (com água e sabão ou álcool em gel e cobrir a boca ao tossir ou espirrar com a dobra do cotovelo ou lenços descartáveis.

Em Parintins, a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Saúde, levantou indícios que duas pessoas diagnosticadas com Covid-19 foram contaminadas após irem em uma das agências bancárias da cidade.

Como medida, dia 7 de abril as ruas e os bancos foram higienizados com uma solução de hipoclorito (água sanitária) e água para prevenir a proliferação do coronavírus. Esta foi uma ação conjunta da Vigilância em Saúde, Polícia Militar e Empresa Municipal de Trânsito e Transporte (EMTT) que contou também com o apoio do Corpo de Bombeiros e do grupo de resgate Anjos da Vida.

Confira o calendário do pagamento do auxílio emergencial.

você pode gostar também