-Publi-A-

PIS 2021: Calendário de fevereiro tem pagamentos no dia 11

Após anunciar o novo salário mínimo para 2021, o governo terá que reajustar também outros benefícios atrelados ao mínimo nacional, caso do abono salarial PIS/Pasep que terá novos pagamentos referente ao calendário 2019 nos próximos meses. Recebe o abono, chamado também de 14º salário, quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias e teve salário de até dois salários mínimos (R$ 2.090,00) em 2019, ano base do cálculo.
No dia 19 de janeiro, os nascidos em janeiro e fevereiro puderam sacar os valores na Caixa (PIS) e no Banco do Brasil (PASEP), para os servidores públicos com NIS final 5. Em fevereiro, no dia 11, será a vez dos aniversariantes de março e abril e dos trabalhadores cujo dígito final do NIS for 6 e 7 terem o benefício liberado.
O PIS foi criado pela Lei Complementar n° 7/1970 e o pagamento é de responsabilidade da Caixa​. Já o PASEP (Lei Complementar n° 8/1970) instituiu o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público e o pagamento é feito pelo Banco do Brasil.​ Recentemente, o governo publicou a MP 946/2020 extnguindo os dois fundos e vinculando os saldos em conta ao FGTS do beneficiário a partir de 2021.
Caso o beneficiário não realize o saque do abono até o dia 30 de junho de 2021, o valor será automaticamente transferido para a conta do FGTS do beneficiário, conforme as novas normas da MP 946.

Quem tem direito ao PIS 2021
Para receber o pagamento do Abono Salarial PIS/PASEP agora no início de 2021 o cidadão deve:

Estar cadastrado no NIS/PASEP há pelo menos 5 anos;
Ter recebido de empregador contribuinte do PIS/PASEP (inscrito sob CNPJ) remuneração mensal média de até dois salários mínimos (R$ 2.090,00) durante o ano-base que for considerado para a atribuição do benefício, neste caso, 2019;
Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do ano-base considerado.
O pagamento do abono é proprocional aos meses trabalhados. Por exemplo, quem teve carteira assinada por 3 meses recebe 1/4 do salário mínimo, o que daria hoje R$ 275,00. Já quem trabalhou os 12 meses do ano base de 2019 recebe um salário mínimo de abono, agora reajustado para R$ 1.100,00, após sanção do novo valor neste início de ano. Lembrando que este piso reajustado e o pagamento do abono devem entrar em vigor somente a partir do calendário de fevereiro de 2021.
Qual o valor do abono PIS 2021?
O valor do abono salarial em 2021 foi reajustado pelo novo salário mínimo nacional, agora de R$ 1.100 e varia entre R$ 92,00, para aqueles que trabalharam por 30 dias com carteira assinada, até R$ 1.100,00 para o cidadão que trabalhou os 12 meses. O cálculo do valor do benefício corresponde ao número de meses trabalhados no ano-base (2019) multiplicado por 1/12 do valor do salário mínimo vigente (R$ 1.100) na data do pagamento.
Confira abaixo a tabela de referência para o pagamento:
Proporção (meses trabalhados) Valor Abono 2021 (Salário R$ 1.100,00)
1 R$ 92,00
2 R$ 184,00
3 R$ 276,00
4 R$ 367,00
5 R$ 459,00
6 R$ 550,00
7 R$ 642,00
8 R$ 734,00
9 R$ 826,00
10 R$ 918,00
11 R$ 1.008,00
12 R$ 1.100,00

Calendário Abono Salarial PIS/PASEP 2021
O pagamento do PIS para os trabalhadores de empresas privadas é realizado pela Caixa Econômica Federal conforme calendário definido de acordo com o mês de nascimento do cidadão. O calendário de saque iniciou em 16 de julho e até agora os nascidos de julho a dezembro já receberam. O calendário segue até março de 2021.
Veja o calendário completo dos próximos pagamentos:
Mês de nascimento Recebem a partir de
Julho 16/07/2020
Agosto 18/08/2020
Setembro 15/09/2020
Outubro 14/10/2020
Novembro 17/11/2020
Dezembro 15/12/2020
Janeiro 19/01/2021
Fevereiro 19/01/2021
Março 11/02/2021
Abril 11/02/2021
Maio 17/03/2021
Junho 17/03/2021

 

Já para os servidores públicos que recebem o abono PASEP o pagamento é feito pelo Banco do Brasil. As datas são definidas conforme o número final de inscrição do trabalhador (NIS) iniciado também em 16 de julho e com data final para saque em 30 de junho de 2021. Confira o calendário completo de liberação dos valores:
Final de inscrição Recebem a partir de
NIS 0 16/07/2020
NIS 1 18/08/2020
NIS 2 15/09/2020
NIS 3 14/10/2020
NIS 4 17/11/2020
NIS 5 19/01/2021
NIS 6 e 7 11/02/2021
NIS 8 e 9 17/03/2021

 

Como sacar o PIS/PASEP 2020-2021?
O saque do abono salarial pode ser feito com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada nos terminais de autoatendimento da CAIXA, nas Lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui. Caso não possua o Cartão do Cidadão, o benefício pode ser sacado em qualquer agência da CAIXA ou do Banco do Brasil mediante apresentação de um documento oficial de identificação.
O recebimento do benefício também pode ser realizado por meio do crédito direto em conta individual com movimentação e saldo, como por exemplo conta-corrente ou poupança da Caixa e do BB. A consulta dos valores do abono salarial pode ser feita tendo o número do NIS e uma senha de acesso no site da Caixa.
Com informações do site: Ache Concursos
você pode gostar também