-Publi-A-

Polícia apreende 42 kg de drogas em embarcações vindas de Tefé e Tabatinga, no AM

Dois homens foram presos com aproximadamente 40 quilos de maconha do tipo Skank em uma embarcação vinda do município de Tefé. A prisão ocorreu durante uma ação da Polícia Civil deflagrada nesta terça-feira (20). Além da quantidade de droga, a polícia também apreendeu outros dois quilos de cocaína em uma embarcação vinda de Tabatinga. Ninguém foi preso.

Wanderley negou as acusações. “Nunca vi droga. Não tenho nada a ver com isso. Estava trabalhando. Pode puxar minha ficha”, defendeu-se. O outro suspeito nao quis se pronunciar.

De acordo com o diretor do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Paulo Mavignier, a políca chegou até os suspeitos após denúncias de que eles trariam uma quantidade relevante de drogas de Tefé.

“No momento que nossos policiais adentraram no barco, próximo à Orla de Manaus, identificamos que os dois indivíduos tentaram empreender fuga em uma pequena embarcação que encostou ao lado do barco de recreio. Na mala deles, encontramos aproximadamente 40 quilos de maconha do tipo skunk”, explicou.

Droga estava em duas embarcações distintas (Foto: Ariane Alcântara/G1 AM)
Droga estava em duas embarcações distintas (Foto: Ariane Alcântara/G1 AM)

Mavignier informou ainda que os suspeitos negaram, em depoimento, serem os donos das malas e afirmaram que estavam na embarcação para roubar a droga dos supostos traficantes.

Tabatinga

Em uma outra embarcação vinda do município de Tabatinga, foram apreendidos dois quilos de cocaína, avaliados em cerca de R$ 30 mil, que estavam na dispensa do barco.

“Essa droga também vinha em uma embarcação de recreio. Eram dois quilos de cocaína que estavam acondicionados no depósito, onde tinham gêneros alimentícios, diversas caixas para dificultar, mas com o apoio do nosso cão farejador, conseguimos verificar ond eestava o entorpecente. Nessa situação de Tabatinga não tivemos presos, mas o barco têm câmeras e amanhã já teremos uma prévia do possível proprietário dessa droga”, explicou Mavignier.

O coordenador de operações da Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seaai), Denis Pinho, ressaltou que o trabalho é resultado de uma ação integrada que visa combater o tráfico de drogas.

“Essa é uma integrada que visa combater o tráfico de drogas que abastece as bocas de fumo na região metropolitana de Manaus. É um trabalho de investigação, com o apoio do nosso novo agente, que é cão farejador Zeus, que tem a função de identificar a droga nos locais mais difíceis, porque os traficantes, evidentemente, carregam esses entorpecentes em locais que dificultam o acesso e a fiscalização da polícia e essa nova ferramenta vem colaborando e muito com a sociedade amazonense”, afirmou Pinho.

Do g1

você pode gostar também