Polícia procura homem que matou açougueiro com dois tiros em Parintins 

Gilson Almeida | 24 Horas
[email protected]

A Polícia Civil identificou o autor dos disparos que levou a morte Ocimar Lázaro da Silva, de 35 anos, na manhã de domingo (07). Trata-se de Ruan Felipe Batista Ribeiro, conhecido como Pão Bolo que ainda está foragido. Um dos envolvidos no crime já está preso.

Ocimar Lázaro da Silva. Foto: Reprodução.

Ocimar foi assassinado em uma tentativa de assalto ao açougue onde ele trabalhava, situado na esquina da Avenida Nações Unidas com a Rua Gomes de Castro, Centro, próximo ao curral do Boi Caprichoso.

Principal testemunha relatou à polícia que Ruan Felipe e Júlio Cesar Guerreiro chegaram ao estabelecimento em uma motocicleta e Júlio Cesar foi quem anunciou o assalto, mas foi surpreendido por Ocimar que reagiu. Na ação Ruan efetuou os disparos e fugiu do local na motocicleta deixando o comparsa para trás. Ocimar foi atingido por dois disparos no tórax que perfuraram o coração. A vítima chegou a ser conduzida pela Central de Resgate ao Hospital Padre Colombo, porém já sem vida.

Júlio Cesar Guerreiro. Foto: Reprodução.

Horas depois Júlio César foi capturado pelas polícias Militar e Civil em cima do Centro de Costura Dona Cota, localizado na Avenida Nações Unidas, a poucos metros de onde ocorreu o crime. Júlio chegou a ficar ferido ao cair do telhado e foi conduzido ao Hospital Padre Colombo onde passou por um procedimento cirúrgico e não corre risco de vida.

“Se o Ruan Felipe não for encontrado para dar o depoimento dele ele vai ser indiciado indiretamente e encaminhado à Justiça”, informou o investigador da Polícia Civil, José Maria Castro.

você pode gostar também