Policiais da Base Arpão flagram dupla com quatro quilos de maconha em uma embarcação em Coari

Foto: Divulgação SSP-AM.

Na madrugada desta quarta-feira (14/04), policiais da Base Arpão apreenderam um adolescente de 17 anos e prenderam um homem de 38 anos, após serem pegos transportando quatro quilos de m (a 363 quilômetros de Manaus). O flagrante foi registrado durante fiscalizações aos barcos que navegam pelo rio Solimões. A apreensão representa um prejuízo de R$ 30 mil ao crime.

O entorpecente foi encontrado por volta das 5h, em uma abordagem à embarcação “Estrela de Davi”, com apoio da cadela policial Jade, da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPcães), que indicou a localização de uma sacola branca coberta por uma blusa com um forte odor de café, escondida no banheiro masculino do barco.

“Essa embarcação foi submetida ao procedimento de rotina e a droga foi encontrada no banheiro. Verificamos pelo sistema de câmeras que tinha envolvimento do zelador e do menor. Foi dada a voz de prisão e o procedimento policial foi instaurado”, destacou o Major Wallason Lira, que coordena esta edição da Base Arpão.

A equipe policial verificou as câmeras de segurança e identificou um homem de 38 anos, zelador da embarcação, juntamente com um menor de 17 anos, indo em direção ao banheiro levando uma sacola nos braços. Os envolvidos foram conduzidos ao Cartório da Base Arpão para os procedimentos cabíveis.

Coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), a Base Arpão atua de forma integrada com efetivos das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), Polícia Federal, Força Nacional, Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A ação ocorre em conjunto com a Operação “Hórus”, um dos eixos do Programa Nacional de Segurança de Fronteiras e Divisas (Vigia), do Ministério da Justiça. Denúncias podem ser feitas ao 181, o disque-denúncia da SSP. O serviço é gratuito e disponível para todo o estado.

você pode gostar também