Polícias Civil e Militar prendem trio e apreendem armas, munições e drogas durante operação em Maués

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe da 48ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Maués, em conjunto com policiais militares da 10ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) que atuam naquele município, distante 276 quilômetros em linha reta da capital, deflagrou no lugar, na manhã desta quarta-feira (29/05), por volta das 7h, a operação “Alpha”.

A ação resultou nas prisões, em flagrante, de três pessoas envolvidas com o tráfico de drogas. Ao longo da operação, os policiais apreenderam duas armas de fogo, munições de calibres distintos e drogas.

Desencadeada com o objetivo de reduzir os índices de violência no interior do Estado, a ação ocorreu em atendimento à determinação feita pela delegada Suely Costa, diretora do Departamento de Polícia do Interior (DPI) da Polícia Civil do Amazonas.

De acordo com o delegado Rafael Schmidt, titular da 48ª DIP, além das prisões em flagrante, duas pessoas foram indiciadas por crimes distintos. Também foram apreendidos três televisores e outros objetos que podem ter relação com os crimes investigados.

*Drogas -* O casal Erivelton Lacerda Miranda, 19, e Gisela Lacerda Brandão, 26, foi preso na casa onde estava morando, situada na rua Carlirtos Negreiros, no bairro Donga Michiles, em Maués. Com Erivelton e Gisela os policiais encontraram 69 trouxinhas e aproximadamente cem gramas de cocaína, R$ 557 em espécie, provenientes do tráfico de drogas, além de três cartões de crédito.

Em ato contínuo, as equipes prenderam, em via pública, na rua Beira Mato, bairro Santa Luzia, Charles Magalhães dos Reis, 36, um dos líderes do tráfico de drogas daquele município. O indivíduo estava portando uma arma de fogo calibre 38, com a numeração suprimida. Ao tentar empreender fuga, ele acabou se acidentando, colidindo a motocicleta que conduzia em um poste.

“Essa operação teve um resultado excelente. Obtivemos êxito com as prisões desses infratores. Temos certeza de que isso vai impactar positivamente na redução da criminalidade e vamos continuar trabalhando em benefício da população. Pedimos o apoio dos comunitários, que podem nos ajudar delatando qualquer pessoa envolvida em práticas ilícitas em Maués”, ressaltou Schmidt.

*Indiciamento -* A autoridade policial ressaltou que Odailson Rebelo de Souza, 31, conhecido como “Robson”, foi indiciado por posse de arma de fogo de uso permitido, porque os policiais encontraram na casa dele, situada na rua Pedro Uchiama, bairro Donga Michiles, um revólver calibre 38, diversas munições e três televisores, possivelmente oriundos de crimes. Já Rodrigo Costa Martins, 34, foi indiciado por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, pois tem envolvimento com a venda de drogas realizada pelo casal preso na ação.

*Procedimentos –* Encaminhados ao prédio da 48ª DIP, Erivelton e Gisela foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Charles foi autuado em flagrante porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Após os procedimentos cabíveis na delegacia, os três infratores serão levados para a Unidade Prisional de Maués (UPM), onde irão permanecer à disposição da Justiça.

*FOTOS:* DIVULGAÇÃO/PC-AM.
*Mais informações:* Assessoria de Comunicação da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM): Flaíze Viana 99345-6725, 99962-2705 (corporativo), 3214-2250 e 3214-2262.

você pode gostar também