-Publi-A-

Povo de alma Vermelha também no Carnaval Rio/São Paulo

Artistas do Boi Garantido no Carnaval pelo Brasil. Foto: Reprodução Acrítica Online

Manaus (AM) O boi Garantido também tem a sua marca no Carnaval pelo Brasil. Denildo Piçanã, o tripa do boi vermelho, faz parte da equipe de artistas da escola de samba Padre Miguel; Anacleto Azevedo (in memorian) integrou o time da Acadêmicos do Tucuruvi; Agostinho Rodrigues integra o time da escola Gaviões da Fiel e Sorin Sena também trabalha na Acadêmicos do Tucuruvi.

Para Agostinho – que atua há 24 anos no boi Garantido –  a diferença entre o Festival de Parintins e o Carnaval paulista é técnica. “Em São Paulo eles trabalham com módulos no carro alegórico, bem diferente de Parintins, onde se trabalha com muitas peças, são muitos módulos separados. O carro alegórico traz uma peça única. Já a alegoria do boi de Parintins tem vários módulos que vão acontecer na arena, que vão gerar movimentos ao decorrer da apresentação. No Carnaval, o carro é estático, com alguns poucos movimentos”, assegura Rodrigues.

Sorin Sena, também do Garantido, integra um núcleo da escola contratado para a execução dos trabalhos artísticos alegóricos. Em 2017, o tema da escola será “Artes na Rua”. Sorin está maravilhado com a movimentação carnavalesca. “Mas confesso que em Parintins a emoção é bem maior por estar em casa, onde estão alguns dos melhores artistas do mundo! E ter meu nome vinculado a esses grandes mestres, para mim é uma honra”, finaliza Sena.

Por

Laynna Feitoza

Artur Cesar      | Acrítica

você pode gostar também