Prefeito de Maués ganha medalha pela transparência acima da média

Foto: Katiúscia Ferreira (arquivo 24 Horas)

O prefeito de Maués, Padre Carlos Góes (PT), festeja por ter sido agraciado com a Medalha Alferes Tiradentes- Mérito Executivo por ter levado o município a alcançar avaliação acima de 7 em escala até 10 no quesito transparência no estado.

No Amazonas, entre os governos, Maués ficou empatado com Itacoatiara, só atrás de Benjamin Constant, e à frente da transparência da Prefeitura de Manaus e do Governo do Estado.

Confira o ranking dos melhores no Amazonas: MPF_ranking transparência municípios

Padre Carlos está entre os poucos prefeitos do país a conseguir a distinção, conferida a gestores com média acima de 7 (Maués ficou com 7,6) na avaliação da Câmara de Combate à Corrupção do Ministério Público Federal. A média nacional foi de 5,15.

O objetivo da comenda é premiar gestões que usam o dinheiro público com transparência, o que contribui para prevenir a corrupção.

A Câmara de Combate à Corrupção fez duas avaliações nos portais da transparência das prefeituras, em 2015 e 2016, para chegar ao resultado que homenageia o prefeito de Maués.

A avaliação levou em conta as principais exigências legais e itens considerados “boas práticas”. Também mensurou o grau de cumprimento de leis referentes à transparência no Brasil.

“O segundo lugar no Ranking da Transparência do MPF nos isenta de envolvimento com a corrupção e nos permite dizer que zelamos pelo dinheiro público’, afirmou o Padre Carlos Góes.

Do BNC

você pode gostar também