Prefeitura apoia cursos da Associação dos Zootecnistas para capacitar profissionais

Apoiar ações e dispor de mecanismos que possibilitem o acesso dos profissionais de zootecnia ao mercado de trabalho é compromisso da Prefeitura de Parintins e Secretaria de Pecuária, Agricultura e Abastecimento (Sempa), que tem fortalecido as parcerias com a Associação dos Zootecnistas do Amazonas (Azam), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Banco da Amazônia(BASA).

Estudantes finalistas de zootecnia e profissionais da área receberam formação sobre Crédito Rural do Pronaf, operado pelo BASA, iniciando uma série de cursos que vão capacitar e abrir portas para os profissionais que tem a responsabilidade de trabalhar no meio rural.

O secretário da Sempa, Edy Albuquerque, afirma que a Prefeitura trabalha no sentido de incentivar e estar mais perto dos profissionais para melhorar a atuação deles na atividade rural. “Consideramos o acompanhamento, a extensão rural e a assistência técnica fundamentais para que o setor primário possa crescer, principalmente no caso da pecuária, tanto leiteira como bovina, assim como também outras atividades que envolvem a criação de pequenos animais”, afirmou Albuquerque.

Governo do Amazonas 2

O município tem se colocado à disposição da AZAM para somar e contribuir com o crescimento do setor primário.

O secretário também enaltece o papel do Banco da Amazônia que oferece ferramentas de crédito rural e oportuniza ao profissional atuar na elaboração e projetos e assistência técnica dos produtores.

A representante do BASA, Goreth Valente, que aplicou o curso, confirmou a oportunidade de parceria que a instituição proporciona aos zootecnistas para elaboração de novos projetos por meio do Crédito Rural do Pronaf. “Para os que estão chegando no mercado de trabalho, o BASA oferece essa oportunidade”, confirmou.

O presidente da Associação de Zootecnista do Amazonas, Carlos Brandão, informa que os novos cursos serão nas áreas de Cadastro Ambiental Rural, GPS, Licenciamento Ambiental via drone, que é a zootecnia de precisão. “Estamos capacitando nossos profissionais e parceiros para que a gente possa atender demanda do setor primário Parintins e colaborar com o desenvolvimento rural”, concluiu.

você pode gostar também