Prefeitura de Barreirinha intensifica entrega de kit de alimentos da merenda escolar

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Barreirinha distribui aos estudantes matriculados em escolas da rede municipal de ensino, kits com gêneros alimentícios da merenda escolar. A ação tem por objetivo suprir as necessidades alimentares de alunos no período da pandemia de coronavírus que, mesmo sem atividades regulares em sala de aula, vão receber esse benefício.

Equipes da Secretaria Municipal de Educação e Lazer (Semed) se revesam, desde o dia 06 de junho, para realizar a entrega destes alimentos na zona rural de Barreirinha, onde inicialmente foram atendidas estudantes das comunidades Terra Preta do Limão, Repartimento do Limão, São Pedro do Ramos, Vila Batista, Ariaú e Vila Cândida.

Os alimentos foram adquiridos com recursos do Plano Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Essa medida adotada pela Prefeitura de Barreirinha é alinhada com a Lei nº 13.987, de 7 de abril de 2020, publicada em 14/04 no Diário Oficial da União (DOU), com as diretrizes para a compra da merenda escolar em caráter excepcional, enquanto as aulas estiverem paralisadas.

Com isso, Estados e Municípios, podem entregar aos pais ou responsáveis de estudantes em forma de kits, a serem doados aos pais ou responsáveis, com a finalidade de garantir alimentação saudável indispensável para o fortalecimento nutricional. O prefeito de Barreirinha, Glenio Seixas, afirma que o momento é oportuno para prestar assistência às famílias mais carentes.

O gestor público enfatiza a iniciativa. “Fizemos um estudo cuidadoso. Era preciso para direcionar este benefício aos mais necessitados, pois estas pessoas estão em estado de vulnerabilidade e precisam de imediata ajuda. Com o discernimento da equipe da Semed, iremos apresentar o cronograma de entrega destes kits para as famílias dos alunos na sede do município” , garante Glenio.

Os alunos matriculados nas escolas municipais da zona urbana irão receber os kits de merenda em casa. A Semed vai adotar o sistema de entregas em domicílio, de acordo com todos os protocolos de proteção sanitária estabelecidos pelas autoridades de saúde, para, assim, evitar principalmente aglomerações.

você pode gostar também