Prefeitura de Parintins será notificada por erros no edital do concurso público

A diretoria de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado do Amzonas identificou oito erros no edital do Concurso Público da Prefeitura de Parintins (a 325 quilômetros de Manaus) e notificará o prefeito Alexandre da Carbrás (PSD) para que sejam feitos os ajustes, mas caso as irregularidades do concurso que oferece 2.055 vagas não sejam sanadas a suspensão poderá ocorrer.

O TCE, que acompanha todos os editais e admissões para homologações de concursos públicos, detectou as falhas no certame de Parintins e deu 10 dias de prazo para que Prefeitura do Município apresente explicações.

Dentre os erros no edital estão, por exemplo, especificações do número de vagas para respectivos cargos. A diretoria do Controle Externo observou também que existe um prazo, que não teria sido cumprido, para publicação do edital do concurso.

Mas por enquanto não há, porém, nenhuma decisão do TCE de suspender o concurso público de Parintins.

Mas diante das irregularidades detectadas os Ministério Público de Contas, que atua junto ao TCE, aguardará a resposta do prefeito Alexandre da Carbrás e caso as irregularidades não sejam sanadas o MP deverá entrar com pedindo a suspensão do concurso.

Consulta ao jurídico

O prefeito de Parintins, Alexandre da Carbrás, disse que não havia ainda sido notificado pelo TCE. “Não fomos informados ainda sobre isso, mas se for necessário faremos as correções recomendadas. Enquanto isso as inscrições continuam. Não iremos suspender o concurso púbico. O concurso continua mantido”, afirmou.

Cabrás disse que fará consultas a Procuradoria Jurídica do Município para saber mais informações sobre o procedimento do TCE.

Concurso

As inscrições do Concurso Público da Prefeitura de Parintins iniciaram no dia 09 de março de 2016 e encerrará no dia 18 de abril de 2016. A inscrição é feita no endereço eletrônico www.institutoipro.org.

O valor das inscrições são os seguintes: Nível Fundamental R$ 30,00/

Nível Médio e Técnico R$ 60,00 / Nível Superior R$ 150,00.

São 2.055 vagas, sendo 570 no Nível Fundamental Incompleto, 488 fundamental completo, 305 nível médio, 129 nível técnico médio e 563 nível superior. Os salários variam de R$ 880,00 a R$ 9.200,00.

Fonte:  Fato Amazônico

você pode gostar também