-Publi-A-

Projeto do artista Roberto Reis leva oficina de pintura para jovens e crianças com autismo em Parintins

Foto: Bruna Karla.

O artista plástico Roberto Reis conclui mais uma etapa do seu projeto denominado ‘Nossa Arte Magia que Encanta o Mundo’, aprovado na Lei Aldir Blanc, por meio da Prefeitura de Parintins. Na tarde de sexta-feira (17), o artista realizou oficina para os alunos do Instituto Autismo de Parintins (IAPIN) Isadora Tupinambá.

Jovens e crianças com Transtorno do Espectro Autista participaram do momento que teve com objetivo apresentar materiais e possibilidades para soltar a imaginação com tintas e cores.

Roberto Reis chegou a se emocionar com os agradecimentos dos alunos durante a apresentação do projeto que contou com a presença dos pais, junto à equipe do instituto.

“Confesso que me emocionei muito com os depoimentos das crianças, quando uma delas falou que acompanha o meu trabalho, lembrando das alegorias que já fiz para o Garantido, foi um momento de felicidade. Trazer essa oficina aqui para o IAPIN é uma sensação de dever cumprido, algo que parece tão pouco, mas acredito que nós artistas podíamos fazer mais, em levar nossos conhecimentos através de oficinas nas escolas, em instituições, que além de proporcionar lazer para as crianças, leva também um pouco da nossa cultura”, disse o artista.

O pequeno Renan da Silva se inspirou em uma das alegorias de Roberto Reis e escolheu pintar o ‘Curupira`. O pai de Renan, o senhor Reginaldo Brito, ressaltou a importância da oficina para o desenvolvimento das crianças.
“Só tenho a agradecer a parceria do artista Roberto Reis, pois nossos filhos precisam de momentos como estes para pintar, desenhar e desenvolver a coordenação motora. É um dia de felicidade para eles e para nós pais. Sou grato pela iniciativa”, relatou o pai de Renan.

Para psicopedagoga Cintia Rodrigues, a ação só vem somar com todo o trabalho que já vem sendo realizado no instituto junto aos pais, para que as crianças possam retomar as atividades que foram interrompidas devido à pandemia do novo coronavírus. “O instituto está muito agradecido com esse olhar que o artista Roberto Reis teve para com nossas crianças, trazendo a oficina com um olhar sensibilizado, em um momento que estamos trabalhando o desenvolvimento cognitivo, psicomotor e o sensorial e, através dessa prática, as crianças poderão colocar para fora a imaginação e aos poucos vamos tentado reorganizar o que era comum e que foi interrompido pela pandemia”, ressaltou.

O artista segue com a exposição de nove telas que apresentam trabalhos alegóricos realizados para o Boi Garantido, até o próximo dia 21 de setembro, no Mercado Municipal Leopoldo Neves.

você pode gostar também