-Publi-A-

PSD Nacional diz em nota que quem manda no partido no Amazonas é Omar Aziz

Para acabar de vez com a suposta intervenção do presidente licenciado nacional do PSD, Gilberto Kassab, no partido no Amazonas a assessoria do senador Omar Aziz encaminhou nota à imprensa assinada pelo presidente nacional em exercício do PSD, Alfredo Cotait Neto, onde ele que afirma que “o Diretório Estadual do PSD do Amazonas é a instância soberana na condução das ações do partido sobre o processo eleitoral suplementar no Estado”.

A nota diz ainda que ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, presidente licenciado do partido “apoia a liderança e a coordenação do senador Omar Aziz na participação do Partido Social Democrático nas eleições suplementares no Amazonas, como líder nacional e principal nome da legenda no Estado”.

De acordo com Kassab, “Aziz é uma das pessoas que mais conhecem o Estado do Amazonas, suas carências e suas virtudes, e por sua larga experiência, como deputado estadual, vice-prefeito, vice-governador, governador e senador, é a pessoa certa, competente para conduzir o PSD neste processo eleitoral”.

A nota caiu com um “balde de água” nas pretensões de deputados estaduais e federais do partido que não teriam ficado nada satisfeitos com a decisão de Omar Aziz de apoiar a candidatura de Amazonino Mendes (PDT) ao governo do estado ao invés de escolher governador interino Davi Almeida, também do PSD, para candidato da sigla.

Nota da Executiva Nacional do PSD:

“A Executiva Nacional do Partido Social Democrático esclarece que o Diretório Estadual do PSD do Amazonas é a instância soberana na condução das ações do partido sobre o processo eleitoral suplementar no Estado. As decisões tomadas pelo Diretório Estadual serão sempre respeitadas. O PSD é um partido jovem e já está consolidado como uma das principais legendas do Brasil, assim como acontece no Amazonas. Suas lideranças reúnem experiência política e administrativa e, com ampla autonomia, serão atores fundamentais no desenvolvimento do Estado.”

Alfredo Cotait Neto – Presidente nacional em exercício do PSD

Do Fato

você pode gostar também