-Publi-A-

Sem medicamentos setor da saúde também é violentado

Hospital Regional Jofre Cohen. Foto: Reprodução

Sem medicamentos – Coerente à decisão de uma profissional da medicina que atuava no final de semana na emergência do Hospital Jofre Cohen. Os pacientes eram atendidos, mas não havia medicamentos nem insumos para os procedimentos indicados. Sobrou para quem procurou a unidade em busca de alívio para as suas dores. E a violência contra a saúde pública caminha a passos largos. Recorrer a quem?…

Mão Dupla – Coerência e lealdade ideológica são coisas do tempo em que esquerda era referencial de luta e resistência às contradições do Estado dominante. Em Parintins, o Partido dos Trabalhadores (PT), quebra a unicidade, a autonomia e “moderniza a democracia”.

Convenção – Os Diretórios dos Partidos PR e PTdoB realizam no dia 05 de agosto (sexta-feira), ás 16hs, no Clube Balneário, na Av.Geny Bentes, próximo à ponte Amazonino Mendes, a Convenção Municipal onde serão homologadas, as candidaturas a Prefeito, Vice-Prefeito e Vereadores, bem como Coligações majoritária e proporcional e demais matérias relativas ao processo eleitoral 2016.

Porto – É revoltante ver o dinheiro público vilipendiado sem que os órgãos fiscalizadores reajam diante da violência à boa fé do contribuinte. Somado a isso, temos a pacatice parintinês que tudo aceita, desde que seja imposto pela elite que domina e surrupia nossos impostos em obras faraônicas, mal construídas e mal acabadas. Até parece que as grades de sustentação da ponte de acesso à balsa de atracação foram instaladas invertidas de propósito.

Perseguição – Nos bastidores da política a aliança dos ex-prefeitos Enéas Gonçalves (Pros) e Bi Garcia (PSDB) gerou comentários curiosos. Há quem aposte no fim dos quase 12 anos de perseguição serrada do grupo liderado por Enéas contra Garcia. A oposição sem trégua durou enquanto Enéas acreditava assumir a prefeitura por força de ações no Judiciário. Do lado de Bi Garcia, as respostas vinham de forma irônica, atribuindo os ataques ininterruptos a “almas penadas”.

Alma penada – As ditas “almas penadas” da politicagem parintinense voltam a fazer misuras. Já desgastadas e desacreditadas, estrategicamente, beijam os pés de antigos adversários, na tentativa de voltar às tetas públicas. Bem dizia Amazonino Mendes: estamos fartos desse curral de girassóis – pra onde o sol brilha pra lá se curvam.  Esperar o quê de quem se viciou na malandragem politiqueira.

Contatos com a coluna

email – [email protected]

Whatsaap – (092) 99173-9585

Facebook – www.facebook.com/parintins24hs

Twitter – @Parintins24hs

Instagram – @parintins_24hs

você pode gostar também