Surra em neto põe avó na prisão por maus-tratos

Da Redação | Parintins 24 Horas

[email protected]

Um adolescente de 14 anos saiu de casa, sem avisar a avó de 52 anos, mas a falta de comunicação custou ‘caro’. O menor foi surpreendido, com uma surra e ainda teve a cabeça raspada. A repreensão ficou caracterizada como maus-tratos e fez a avó ser presa pela Polícia Civil de Parintins, na quarta-feira, 11 de setembro.

O caso chegou à polícia, por meio de denúncia do Conselho Tutelar de Parintins. A delegada Alessandra Trigueira disse que a acusada negou ter praticado espancamento, porque a intenção era corrigir o neto. O resultado do exame de corpo de delito contestou o depoimento da avó que também teria tentado deslocar um dedo da mão da vítima.

você pode gostar também